nsc
dc

PRECONCEITO

Ludmilla sofre ataques racistas na internet e pede ajuda para fazer justiça: "Vou até o fim"

A cantora foi chamada de "macaca" e "crioula nojenta" no Instagram

23/05/2016 - 04h52 - Atualizada em: 21/06/2019 - 22h58

Compartilhe

Por Redação NSC
(Foto: )

A internet vem servindo de palco para ataques homofóbicos e racistas, principalmente contra celebridades. A última vítima de ataques virtuais foi Ludmilla, que mostrou as mensagens de cunho racista postadas em sua página no Instagram.

Leia mais:

Vítima de racismo, Taís Araújo se emociona com campanha de apoio na web

Maria Júlia Coutinho é alvo de comentários racistas no Facebook

Atriz Cris Vianna é alvo de comentários racistas na Internet

Na madrugada desta segunda-feira, a cantora postou prints das mensagens e desabafou:

"Alguma autoridade pode me ajudar a identificar esse homem???? Não é a primeira vez que ele faz isso. Já até bloqueei ele, mas ele continua falando essas coisas em outros instas por aí que ódio, só quero a justiça mais nada mais. Nessa eu vou até o fim!"

Uma foto publicada por Ludmilla (@ludmilla) em

A jornalista Maju Coutinho e as atrizes Taís Araújo e Cris Vianna também já foram vítimas de racismo na internet. Os casos estão sendo investigados e alguns suspeitos chegaram a ser presos pelo crime.

A própria Ludmilla passou por uma situação de preconceito racial este ano. Durante as transmissões do Carnaval, a socialite Val Marchiori comentou que o cabelo da cantora "parecia uma esponja de aço". O caso foi parar na Justiça e Val é alvo de um processo por injúria racial.

Leia outras notícias de famosos e entretenimento

Colunistas