nsc

publicidade

PROTESTO

Manifestantes se reúnem no Centro de Blumenau e pedem o fim dos cortes na educação

Movimento começou às 16h30min, na Praça Doutor Blumenau

13/08/2019 - 19h02 - Atualizada em: 13/08/2019 - 19h13

Compartilhe

Redação
Por Redação Santa
(Foto: )

Blumenau não ficou de fora da mobilização nacional contra os cortes nos recursos destinados à educação pública no Brasil. Na tarde desta terça-feira, um grupo formado por estudantes, professores e sindicatos fez passeata pela principal rua da cidade, a XV de Novembro.

Às 16h30min eles saíram da Praça Doutor Blumenau em direção ao Teatro Carlos Gomes. Na praça, com cartazes nas mãos e também no microfone foram unânimes no pedido: que o Governo Federal não reduza o repassa financeiro às instituições de ensino.

Uma das organizadoras do movimento é aluna do curso de Serviço Social da Furb Julia Lia Babel. Ela conta que os cortes nas bolsas de pesquisa, extensão e até nos estágios têm gerado forte impactado dentro da universidade.

- Isso me fez ficar desesperada porque eu e muitos outros colegas dependemos de bolsa e de estágio para se manter. E sem isso, a gente tira milhões da universidade - analisa a estudante de 18 anos.

Julia cita um levantamento feito pelos próprios acadêmicos da Furb para exemplificar o impacto o alcance da medida anunciada pela União. De acordo com ela, 1,5 mil bolsas foram cortadas na instituição.

Ainda segundo a universitária, essa foi a terceira manifestação organizada pelo grupo de estudantes. A ideia é que os protestos não parem até a situação ser revertida.

Manifestação contra corte de recursos para a educação
Manifestação contra corte de recursos para a educação
(Foto: )

Deixe seu comentário:

publicidade