nsc
an

publicidade

Ajuda

Menino Henrique tem nova cruzada pela saúde depois do transplante de medula

Família lançou campanha para arrecadar dinheiro para tratamento importado. Problemas no fígado foram causados pela quimioterapia.

30/10/2015 - 07h59

Compartilhe

Por Redação NSC
Garoto de três anos se recupera bem do transplante de medula óssea, mas enfrenta outro problema de saúde
Garoto de três anos se recupera bem do transplante de medula óssea, mas enfrenta outro problema de saúde
(Foto: )

Com a batalha do transplante de medula vencida, a família do menino Henrique Neitzke, de 3 anos, enfrenta uma nova cruzada. O tratamento de 14 dias com um medicamento importado para um problema no fígado e no baço, com custo estimado em R$ 60 mil e que não é disponibilizado nem pelo SUS e nem pelo plano de saúde.

Leia mais notícias sobre Jaraguá do Sul e região

O remédio foi encomendado e deve chegar hoje a Curitiba. Um amigo da família emprestou o dinheiro para garantir que a recuperação da criança aconteça no menor tempo possível.

- O transplante deu muito certo, a medula pegou bem. Mas por causa da quimioterapia e do tratamento para o câncer, ele está muito debilitado e só fica na cama - contou o pai Dalvo Neitzke.

Ele lançou uma nova campanha, dessa vez para arrecadar dinheiro para pagar o tratamento com este medicamento, o Defibrotib. No site Vakinha, apenas R$ 2,2 mil foram coletados, e a campanha termina no dia 30.

Também é possível fazer uma doação direta na conta do pai de Henrique. Para ajudar a família, com qualquer valor, o depósito deve ser feito no banco Santander, Agência 3963, conta corrente 01002778-4 em nome de Dalvo Neitzke.

Deixe seu comentário:

publicidade

publicidade

publicidade

publicidade