nsc
    dc

    Polêmica

    Mesmo com MMA proibido no estado, UFC marca evento para Nova York

    Organização aposta no fim da proibição, que dura desde 1997

    29/09/2015 - 06h20

    Compartilhe

    Por Redação NSC
    Presidente do UFC, Dana White já fez duras críticas aos políticos de Nova York
    Presidente do UFC, Dana White já fez duras críticas aos políticos de Nova York
    (Foto: )

    O UFC tenta usar a sua força política para encerrar a proibição do MMA em Nova York, que foi imposta em 1997 - quando o esporte ainda era conhecido no Brasil como Vale-Tudo pela escassez de regras. Nesta semana, a organização anunciou a marcação de um evento para o Madison Square Garden, principal palco esportivo de Manhattan.

    Anderson Silva posta fotos de suas armas e polemiza nas redes sociais

    O Ultimate marcou o card para o dia 23 de abril - a princípio, seria o UFC 198, ainda sem combates definidos. Além disso, a organização anunciou que tomará providências na Justiça federal para tentar derrubar o banimento. Se a proibição não for derrubada, a tendência é que o UFC já tenha um plano B para transferir as lutas.

    Ex-campeão do UFC, Rich Franklin anuncia aposentadoria do MMA

    Em seus 22 anos de história, o UFC realizou apenas um evento no estado de Nova York. Em 8 de setembro de 1995, a cidade de Buffalo recebeu o UFC 7: The Brawl in Buffalo. Na ocasião, o brasileiro Marco Ruas se tornou campeão do torneio, que à época tinha o formato de competição em uma única noite - por isso, Ruas lutou três vezes no mesmo dia.

    Werdum se diz esperançoso por duelo com Velasquez em estádio

    O estado de Nevada tem sido a principal casa do UFC e já recebeu 94 eventos ao todo. Dos 50 estados americanos, Nova York é o único que ainda proíbe o MMA. Para compensar a carência do mercado nova-iorquino, o Ultimate já realizou uma série de cards no estado vizinho de Nova Jersey.

    Clique aqui

    *ZHESPORTES

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Esportes

    Colunistas