nsc
dc

Tragédia em escola

Ministro da Educação manifesta pesar por atentado em Suzano

Ao menos dez pessoas morreram em ataque de atiradores em escola da Grande São Paulo

13/03/2019 - 12h39

Compartilhe

Folhapress
Por Folhapress
Policiais e bombeiros ainda estão no local da ocorrência, em Suzano
Policiais e bombeiros ainda estão no local da ocorrência, em Suzano
(Foto: )

O ministro da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, emitiu nota em que "manifesta profundo pesar pelo crime bárbaro" em referência ao atentado a tiros ocorrido em uma escola em Suzano, na Grande São Paulo, que deixou ao menos dez mortos nesta quarta-feira (13).

"O Ministério se solidariza com pais, familiares e funcionários da escola neste momento de choque, luto e dor", diz o comunicado.

A escola estadual Raul Brasil tem alunos apenas a partir da 5ª série.

São 1.067 estudantes no total, a maior parte deles no ensino médio (693), boa parte nos anos finais do ensino fundamental (358) e alguns na educação especial (16), segundo informações de 2017. Ao todo, são 105 funcionários.

A nota do Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica) em 2017 foi 5,8, abaixo da meta nacional, que é de 6.

SP decreta luto oficial de três dias

O Governador de São Paulo, João Doria, decretou luto oficial de três dias no Estado, acompanhado das bandeiras a meio-mastro, e deixa "toda a sua solidariedade aos familiares e amigos das vítimas", devido os tiros disparados na escola estadual Professor Raul Brasil.

Colunistas