nsc

publicidade

Luto

Morre o empresário gaúcho Vicencio Paludo

Natural de Paraí, em 1973, fundou a Vipal Borrachas

19/09/2015 - 13h56 - Atualizada em: 19/09/2015 - 17h11

Compartilhe

Por Redação NSC
(Foto: )

Morreu na tarde deste sábado, em Porto Alegre, o empresário gaúcho Vicencio Paludo, de 94 anos. Empreendedor, Paludo fundou, em 1973, na cidade de Nova Prata, onde morava, a Vipal Borrachas, uma das mais importantes fabricantes mundiais de produtos para reforma de pneus. Natural de Paraí, deixa oito filhos e 11 netos.

Foi contando com ajuda dos filhos, que o empresário fez da Vipal uma gigante do segmento de borrachas, hoje presente em cerca de 90 países de todos os continentes.

- É uma grande perda para a família. Ele sempre foi um pai exemplar, equilibrado. Agora temos seguir as nossas vidas e tentar superar - diz o filho mais velho, Arlindo Paludo, de 68 anos.

Leia as últimas notícias

Devido à idade avançada, deixou de ser atuante na empresa há cerca de 3 anos. Mas seu papel na Vipal é reconhecido.

- Ele foi muito importante. Eu acompanhei toda a sua trajetória e apesar do pouco estudo, ele era muito competente - acrescenta o filho.

O presidente do Conselho de Administração conta também que Vicencio Paludo era um admirador da natureza e dedicava parte do seu tempo plantando árvores na sua fazenda.

Sobre a Vipal

A Vipal Borrachas foi constituída em 1973, em Nova Prata, no Rio Grande do Sul. Com 3 mil colaboradores, a empresa tem duas fábricas em Nova Prata e uma em Feira de Santana, na Bahia, totalizando cerca de 160 mil metros quadrados de parque fabril e dois centros de distribuição no Brasil. A empresa exporta para todos os continentes e possui ainda centros de distribuição na América do Sul, América do Norte, Europa e Oceania. Foi a primeira empresa brasileira do setor a ser certificada pelo ISO 9002, ostentando ainda a ISO9001: 2008.

* Zero Hora

Deixe seu comentário:

publicidade