nsc
    dc

    Notícia

    Morre o ex-técnico do Grêmio Orlando Fantoni

    06/06/2002 - 12h42

    Compartilhe

    Por Redação NSC

    Aos 85 anos, o treinador campeão gaúcho pelo Grêmio em 1979, Orlando Fantoni, considerado um dos mais importantes personagens da História do futebol brasileiro, morreu na quarta-feira, dia 5, em Salvador (BA), de enfisema pulmonar.

    O "titio" Fantoni, como era conhecido no meio futebolístico, nasceu no dia 13 de maio de 1917, em Belo Horizonte (MG). Começou a carreira como atacante do Cruzeiro e foi contratado pelo Lazio, da Itália. Ele foi um dos primeiros jogadores brasileiros a atuarem no Exterior. Mais tarde, voltou ao Brasil, onde jogou pelo Vasco da Gama e encerrou a carreira no Cruzeiro.

    Em 1967, Fantoni iniciou uma vitoriosa carreira de treinador. Adorado pelos jogadores, que o chamavam de "titio", ganhou títulos em Minas Gerais, Bahia. Pernambuco e Rio. Foi técnico do Vasco quando o clube de São Januário conquistou o campeonato carioca de 1977, num time em que o ataque era o ponto alto do time - Wilsinho, Roberto Dinamite e Ramon.

    Em 1979, Fantoni saiu do Vasco para treinar o Grêmio. Naquele ano, em razão do clima frio e do zelo da mulher, houve ocasiões em que orientou da cama o time, que seria campeão gaúcho. O superintendente do clube, Antônio Carlos Verardi, lembra de um Gre-Nal no Beira-Rio em que o treinador deixou a casamata no decorrer do jogo para viajar ao Rio. O tricolor vencia por 2 a 0 e, depois da saída de Fantoni, tomou um gol.

    - Mais tarde, ele (Fantoni) nos passou uma reprimenda: "Pô, eu deixo vocês comandando o time e me aprontam essa?" - conta Verardi.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Esportes

    Colunistas