nsc
dc

Morte violenta

Mulher morta no Oeste de SC foi encontrada em cama de ferro destruída

Caso aconteceu na madrugada de terça-feira (26), em Irani, no Oeste catarinense

27/10/2021 - 12h29 - Atualizada em: 27/10/2021 - 12h44

Compartilhe

Catarina
Por Catarina Duarte
Bombeiros chegaram a ser acionados, mas vítima já estava morta
Bombeiros chegaram a ser acionados, mas vítima já estava morta
(Foto: )

A mulher encontrada morta em casa em Irani, no Oeste catarinense, estava em uma cama de ferro destruída quando foi localizada. O caso aconteceu na madrugada de terça-feira (26). O Corpo de Bombeiros Voluntários chegou a ser acionado, mas a vítima já estava sem vida. A Polícia Civil investiga o caso.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Os policiais militares foram acionados por volta das 3h. O marido da vítima, um homem de 64 anos, estava no local e, segundo a PM, tinha um ferimento no canto do olho direito. Ainda de acordo com a polícia, ele disse que acordou para beber água e viu a esposa já sem vida.

O homem não soube explicar o que aconteceu com a companheira, nem como a cama ficou quebrada. Além do ferimento no olho, o óculos dele estava quebrado e jogado no outro lado da cama onde havia deixado.

Em nota, a Polícia Civil de Concórdia informou que abriu inquérito ainda na terça-feira. A investigação, neste momento, não trata o caso como feminicídio, mas como morte violenta.

“Várias diligências já foram realizadas, como tomadas de depoimentos e perícias técnicas, cujos laudos serão apresentados nos próximos dias”, escreveu.

O marido da vítima não foi preso. A polícia não revelou se ele é considerado suspeito.

Leia também 

Vídeo mostra acidente impressionante entre ônibus, carro e moto em Joinville

Mulher é encontrada morta ao lado do marido em Itajaí e caso intriga polícia

Jovem morta atropelada após assédio queria fazer faculdade de estética, diz tia

Colunistas