publicidade

Futebol

Nação Esporte estreia neste ano como o novo time profissional de Joinville 

Equipe foi fundada em 2018 e disputará o Campeonato Catarinense da Série C no segundo semestre 

12/06/2019 - 16h00

Compartilhe

Hassan
Por Hassan Farias
(Foto: )

Joinville ganhou mais um time profissional nos últimos meses. Fundado no segundo semestre de 2018, o Nação Esporte já está disputando competições de base e a partir de setembro vai entrar em campo pelo Campeonato Catarinense da Série C. O objetivo principal é revelar jogadores, mas também com uma equipe competitiva que buscará o título do torneio e uma vaga na segunda divisão estadual.

O fundador e presidente do Nação é o empresário Tiago Reis, que trabalha no ramo de negócios e teve a ideia de investir no futebol para criar um clube formador de atletas. Na procura por um local onde o time pudesse treinar e realizar as atividades, ele encontrou o antigo CT do Irineu (atual CT Nação Esporte) e firmou sociedade com o empresário Irineu Machado para dar continuidade ao projeto.

Nos últimos meses, o time tem realizado e participado de competições de base e criado uma rede de parceiros para captar novos talentos para o clube. Jogadores de diferentes partes do país, além de um camaronês e um argentino, atualmente fazem parte do elenco. Também foi firmado parceria com o Avaí e o Grêmio, em que os dois times cederão jogadores para atuar pelo Nação.

— Eles deixam o jogador aqui por um período, nós utilizamos ele e depois quando precisarem novamente nós repassamos o atleta, ficando um direito percentual do jogador — explica o presidente.

O presidente ressalta que o Nação nasce com uma proposta diferente dos outros dois times da cidade: o Joinville e o Fluminense do Itaum, que disputa o Campeonato Catarinense da Série B. Ele conta que mantém um bom relacionamento com ambos e que há espaço para todo mundo na realidade atual.

— O nosso foco é outro e não temos ideia de bater de frente com ninguém. A gente entende que o time principal é o Joinville e queremos parceria com eles também. Viemos para formar atletas e ajudar a cidade — ressaltou.

Em relação ao elenco, o Nação pretende utilizar jogadores da base com reforços mais experientes para complementar a equipe na Série C. As contratações e montagem do time deve começar entre o final de julho e início de agosto. Segundo Tiago, apesar de ser um time com foco na formação de atletas, a busca sempre será pela vitória dentro de campo.

Nação na Série C do Catarinense

O objetivo do presidente era colocar o novo time em campo neste ano no Campeonato Catarinense da Série C. No entanto, o dirigente perdeu a data da reunião prévia com a Federação Catarinense que definiria os times participantes da competição. Com isso, a saída foi comprar o Operário de Mafra, que tinha vaga garantida na terceira divisão estadual.

Apesar de ainda aparecer na tabela da Federação como Operário, o Nação já está com as documentações todas prontas para entrar em campo com o uniforme, o escudo, as cores e o nome do novo time joinvilense. Antes da estreia do time profissional, o elenco sub-20 começa a disputa da Série C no próximo dia 15 contra o Porto, de Porto União.

O time principal está em conversações para mandar os jogos na terceira divisão na Arena Joinville. No entanto, já há a ideia de realizar uma parceria com o Caxias para atuar no estádio Ernesto Schlemm Sobrinho (Ernestão) a partir de 2020.

A Série C terá nove equipes divididas em dois grupos regionalizados. Elas se enfrentarão em turno e returno, com os dois primeiros de cada chave se classificando para as semifinais. Os vencedores vão para a final e apenas o campeão sobe para a Série B. O Nação está no grupo B com Caçador, Jaraguá e Porto.

Leia mais notícias sobre esporte em Joinville.

Deixe seu comentário:

publicidade