nsc
santa

Luto

"Nossa alegria acabou", diz mulher que perdeu o irmão em acidente na BR-470 

Felipe José dos Santos, de 28 anos, é uma das 2,010 pessoas que perderam a vida na rodovia federal desde o ano 2000

29/09/2019 - 19h45

Compartilhe

Adriano
Por Adriano Lins
(Foto: )

Uma mensagem recebida no WhatsApp, por volta das 7h do dia 12 de agosto deste ano, marcou para sempre a vida da atendente de padaria Sandra de França. No texto, a irmã pedia que Sandra ligasse para o cunhado, pois tinha uma notícia ruim para dar. Na hora ela pensou que havia acontecido algo com a mãe, que sofre com problemas de saúde.

- Do outro lado da linha o meu cunhado disse: "O Felipe sofreu um acidente e não resistiu". Neste momento, a nossa alegria acabou - conta Santa.

Divertido, trabalhador e apaixonado por motos. Felipe José dos Santos, mais novo de uma família de seis irmãos, pode ser definido de várias formas por Sandra. O jovem de 28 anos voltava para casa em Apiúna, após, como de costume, passar mais um fim de semana em Blumenau, quando perdeu o controle da motocicleta que conduzia e bateu contra um bloco de concreto, no Km 57, da BR-470, no trevo que dá acesso ao Badenfurt.

Felipe é uma das vítimas que perderam a vida no trânsito, deixando mãe, irmãos e dois filhos enlutados com a partida. Sandra recorda que o irmão morou por dois anos com ela e que neste período desfrutou da alegria contagiante do "crianção", como ela carinhosamente descreve.

Não me conformo com o que aconteceu. Todos os dias lembramos dele, sempre há momentos que alguém diz, "se o Felipe estivesse aqui, ia fazer brincadeira disso". Ele era assim, trazia alegria para mim e meus filhos – desabafa.

Sandra não culpa a falta de duplicação ou condições da pista, mas faz conjecturas do que poderia ter salvado a vida do irmão.

- Acho a rodovia muito perigosa, sempre escutamos sobre acidentes. A gente se pergunta: "E se ele tivesse ligado pra mim e pedido pra ficar aqui em casa?". Talvez não teria ocorrido o acidente. Mas quando é pra ser, acaba acontecendo, né? - diz, sobre o sentimento após a partida.

Colunistas