nsc
dc

Destaques

Notícias do dia: SC tem mais um dia de frio extremo e filha acha corpos após pai matar mãe

Leia as principais notícias desta sexta-feira (30) para terminar o dia bem-informado

30/07/2021 - 19h44

Compartilhe

Por Redação NSC

Santa Catarina amanhece com frio extremo de -8,9 °C e abaixo de zero em todas as regiões nesta sexta-feira (30). Filha acorda com tiros e encontra corpos após pai matar a mãe em Araquari. Família de Florianópolis tapa frestas de casa com papelão para se proteger e mostra lado cruel do frio. Público de evento-teste em SC vai passar por monitoramento e testes de Covid nos próximos dias. Confira esses e outros destaques desta sexta-feira (30) no resumo do dia.

> Saiba como receber notícias do NSC Total no WhatsApp

SC amanhece com frio extremo de -8,9 °C e abaixo de zero em todas as regiões

Frio extremo e temperaturas negativas em todas regiões marcaram o amanhecer desta sexta-feira (30) em Santa Catarina. Pelo segundo dia seguido, o recorde de temperatura mais baixa do ano no Estado foi quebrada: em Urupema, às 7h, os termômetros marcavam -8,9 °C. SC deve ter geada em várias regiões e mais um amanhecer de frio extremo neste sábado. 

> SC amanhece com frio extremo de -8,9 °C e abaixo de zero em todas as regiões; veja fotos

Árvores congelaram em Urupema com o frio intenso desta sexta-feira
Árvores congelaram em Urupema com o frio intenso desta sexta-feira
(Foto: )

Família de Florianópolis tapa frestas de casa com papelão para se proteger e mostra lado cruel do frio

Severa como nunca enquanto sequência de dias, a onda de frio atingiu de forma implacável os mais expostos. Se foi uma surra em quem estava nas camas de cimento do asfalto — como moradores de rua — também foi um açoite nos que vivem nos morros de Florianópolis. Houve até formação de geada, fato raro em uma cidade litorânea.

> Família de Florianópolis tapa frestas de casa com papelão para se proteger e mostra lado cruel do frio

Ouça o podcast Resumo do dia

Filha acordou com tiros e encontrou corpos após pai matar a mãe em Araquari

A filha do casal Beatriz e Nelson de Souza foi quem encontrou os corpos dos pais na madrugada desta sexta-feira (30), em Araquari. O homem assassinou a esposa a tiros e, na sequência, tirou a própria vida dentro do quarto, em uma casa do bairro Itinga.

> Filha acordou com tiros e encontrou corpos após pai matar a mãe em Araquari

Arma usada pelo marido para matar a esposa em Araquari
Arma usada pelo marido para matar a esposa em Araquari
(Foto: )

Público de evento-teste em SC vai passar por monitoramento e testes de Covid nos próximos dias

O primeiro evento-teste de Santa Catarina ocorreu em Florianópolis durante a noite dessa quinta-feira (29) e contou com a presença de aproximadamente 500 pessoas. O show da Camerata durou cerca de 2h, mas o estudo para a retomada das atividades culturais ainda não encerrou. Pelos próximos 14 dias, os participantes serão monitorados pelo Estado através de busca ativa.

> Público de evento-teste em SC vai passar por monitoramento e testes de Covid nos próximos dia

O que muda nas medidas contra a Covid-19 das escolas de SC

No segundo semestre, o sistema de ensino de SC será o mesmo dos primeiros meses do ano, com modelos presenciais, híbridos e remotos. O que muda é que o Estado organiza um projeto piloto para testar estudantes, professores e servidores com suspeita de Covid-19, além de reduzir a recomendação do distanciamento entre os estudantes em sala de aula. 

> Volta às aulas: veja o que muda nas medidas contra a Covid-19 das escolas de SC

Boa notícia do dia

Santa Catarina tem mais moradores totalmente imunizados contra a Covid-19 do que a soma de infectados desde o início da pandemia, segundo o Painel Coronavírus do NSC Total. Até esta quinta-feira (29), o Estado havia confirmado 1.110.742 casos confirmados, o que representa 15,32% da população. Em contrapartida, são 1.420.714 catarinenses com a segunda dose ou vacina de dose única - 19,59%.

> Parcela da população de SC vacinada contra Covid já supera a de infectados

Vídeo do dia

Você sabe o que é pobreza menstrual? Em Santa Catarina, o projeto social Menstruando sem Tabus ajuda a diminuir o problema. As voluntárias distribuem absorventes e outros itens de higiene para pessoas que menstruam. A equipe do Diário Catarinense foi conferir de perto o trabalho realizado e a realidade de uma das comunidades atendidas.

> Pobreza menstrual: entenda o problema no Brasil e em Santa Catarina

Leia também

9 pontos turísticos imperdíveis para conhecer na Serra Catarinense

Quem era a mulher morta a tiros pelo marido em Araquari

'Estalactites de gelo' em SC revelam intensidade do frio na Serra; veja fotos

Nevascas históricas em Santa Catarina; veja fotos e quando aconteceram

Pode beber depois de tomar a vacina da Covid-19?

Frio congela riacho e lagoa na Serra: "Dá para deitar no gelo"

De onde vem a draga que fará o alargamento da praia em BC

As diferenças entre as vacinas da Pfizer, Astrazeneca e Coronavac

Colunistas