nsc
dc

Dia do Doador

O que você precisa para poder doar sangue

Entenda quem pode doar e ajudar a salvar vidas

25/11/2019 - 10h41 - Atualizada em: 08/01/2021 - 13h05

Compartilhe

Redação
Por Redação DC
Doação de sangue
(Foto: )

Em Santa Catarina, ao menos 450 pessoas doam sangue ao dia, segundo o Hemosc. Só em Florianópolis, são 120 doações diárias. Em função dessa mobilização, os estoques conseguem atender a demanda do Estado.

> Morador de SC que já fez 212 doações de sangue incentiva outros a seguirem o exemplo

O assunto é levado tão a sério pelos catarinenses que junho foi instituído como o mês de doação de sangue por lei estadual que criou o Junho Vermelho. Este período é dedicado a campanhas de estímulo à doação de sangue.

O Hemosc tem unidades em Florianópolis, Blumenau, Chapecó, Criciúma, Jaraguá do Sul, Joaçaba, Joinville, Lages e Tubarão. Para ser doador, é importante estar em boas condições de saúde:

O que é necessário para doar?

Pessoa doando sangue
A doação de sangue pode ser feita por qualquer pessoa que atender os critérios
(Foto: )

- Ter idade entre 18 e 69 anos, 11 meses e 29 dias;

- Doadores com idade de 16 e 17 anos de idade são aceitos para doação mediante a presença e autorização formal dos pais ou responsável legal;

- O limite de idade para primeira doação é de 60 anos;

- O candidato à doação deve estar em boas condições de saúde, sem feridas ou machucados no corpo;

- Pesar acima de 50 kg (com desconto de vestimentas);

> Catarinense cria aplicativo para conectar doadores de sangue

- Apresentar documento de identidade com foto, emitido por órgão oficial: RG., carteira profissional, carteira de motorista, etc.

- Ter repousado bem na noite antes da doação;

- Evitar o jejum. Fazer refeições leves e não gordurosas, nas 4 horas que antecedem a doação;

- Evitar uso de bebidas alcoólicas nas últimas 12 horas;

- Evitar vir acompanhado com crianças, sem acompanhantes.

Quem não pode doar sangue?

Pessoa doando sangue
A doação de sangue pode salvar vidas
(Foto: )

- Hepatite após os 11 anos de idade;

- Lepra (Hanseníase);

- Hipertireoidismo e tireoidite de Hashimoto;

- Doença autoimune;

> 10 aplicativos para cuidar da saúde física e mental

- Doença de Chagas;

- AIDS;

- Problemas cardíacos (necessita avaliação e declaração do seu cardiologista);

- Diabetes;

- Câncer.

Época de vacinação

O Centro de Hematologia e Hemoterapia de Santa Catarina (HEMOSC) está recomendando que os doadores de sangue para se mantenham atentos a carteira de vacinação antes de ir ao local doar. O aviso vale especialmente para duas imunizações: sarampo e febre amarela, ambas com recomendação para todas as idades em caso ausência da dose em Santa Catarina. Após a aplicação deve-se aguardar 30 dias para realizar o ato, afirma Liliane Wendling, coordenadora de coleta do Hemosc.

Colunistas