publicidade

Cotidiano
Navegue por

Tristeza

Pai de Emiliano Sala morre três meses após acidente de avião com o jogador argentino

No dia 21 de janeiro, aeronave que transportava o jogador argentino caiu no Canal da Mancha

26/04/2019 - 09h29

Compartilhe

Por GaúchaZH
Horacio Sala tinha 58 anos e morava na pequena cidade de Progreso, na Argentina
Horacio Sala tinha 58 anos e morava na pequena cidade de Progreso, na Argentina
(Foto: )

Pouco mais de três meses depois do acidente aéreo que vitimou o argentino Emiliano Sala, no Canal da Mancha, a família do atleta sofre um novo baque. O pai do jogador, Horacio Sala, morreu na madrugada desta sexta-feira (26), vítima de um infarto.

— Pela madrugada, ele sentiu uma dor no peito, chamaram ao médico, mas quando ele chegou, Horacio já tinha falecido — contou Daniel Ribeiro, presidente do clube San Martín de Progreso, em entrevista ao canal de televisão C5N.

Caminhoneiro, Horacio tinha 58 anos e vivia na cidade de Progreso, de 2,5 mil habitantes, situada na província de Santa Fé, na Argentina.

— Estive com ele durante a semana. Nos cruzamos na rua e passamos meia hora falando da colheita da soja, do caminhão... Havia notado que ele estava melhor, com vontade de falar — disse Ribeiro.

No dia 21 de janeiro, a aeronave que transportava Emiliano Sala, atacante do Nantes, da França, desapareceu dos radares quando viajava ao País de Gales. O atleta seria apresentado pelo Cardiff City, seu novo clube. A polícia britânica chegou a desistir das buscas, mas graças a uma campanha de financiamento, a família deu continuidade à procura por meio de um serviço privado. No dia 4 de fevereiro, o corpo foi encontrado em meio aos destroços no fundo do mar.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação