nsc
hora_de_sc

Opinião

Paixão Alvinegra: esconde-esconde

Colunista Ivens Abreu opina diariamente sobre os assuntos do Furacão do Estreito                        

16/02/2019 - 06h10

Compartilhe

Ivens
Por Ivens Abreu
(Foto: )

Esse jogo contra a Chapecoense vale a liderança e a invencibilidade das equipes. Eles estão falando que vão fazer um rodízio, pois jogaram no meio da semana pela Copa do Brasil. Nós também jogamos. Quem o Hemerson vai escolher para este desafio, todos sabem, será mais ou menos a equipe que vem jogando com raras alterações. Claudinei tá querendo me enganar, é? Dizendo que vem com mistão? Para garantir a liderança vale o sacrifício.

A receita do sucesso

Se o Figueirense estivesse nadando em dinheiro, sem problemas financeiros, os resultados no campo poderiam não estar bons. No lugar de medalhões conhecidos, por falta de dinheiro, estão aproveitando a base e contratando jogadores que querem vencer na vida. Há algum tempo, com certeza, muitos não apostariam que essa estratégia com Hemerson Maria, os da base e algumas poucas contratações dariam certo. No duelo no velho Oeste o torcedor tem bala na agulha e estará perto do seu clube nesse duelo de titãs. O Figueirense não estará só, apesar da distância, muitos torcedores se farão presentes.

Missa de sétimo dia

Na capela do Scarpelli, às 16h de sábado, será realizada missa de sétimo dia para Vitinho e seus colegas que morreram no trágico acidente no Ninho do Urubu.

Colunistas