publicidade

Opinião

Paixão Alvinegra: Rafael Marques no Figueirense

Colunista Ivens Abreu opina diariamente sobre os assuntos do Furacão do Estreito  

23/04/2019 - 07h50 - Atualizada em: 23/04/2019 - 23h38

Compartilhe

Ivens
Por Ivens Abreu
Rafael Marques quando atuava no Sport
Rafael Marques quando atuava no Sport
(Foto: )

O colega Kadu Reis falou que o atacante pode ser Rafael Marques, do São Caetano. Fui conferir e um me falou “estamos negociando”. Outro foi oferecido e o terceiro não fecharam ainda, mas está bem quente. A promessa é que até amanhã divulguem um atacante. Rafael tem 35 anos, é experiente e tem um bom currículo.

Nossa festa será em novembro

É sempre assim, o torcedor fica magoado e triste vendo a festa deles. Mas preparem-se que a nossa está reservada para o dia 30 de novembro, um sábado, dentro de casa contra o Operário-PR, comemorando o acesso à Série A. E a dança das cadeiras acontecerá: a gente sobe, eles descem.

Polêmicas

O gol da Chapecoense feito por Régis, na Ressacada, foi muito parecido com o do título alvinegro feito pelo Ferrareis, ano passado. Quanto à decisão por penalidades, o Bráulio não foi conferir o lance e o gramado foi invadido. Dar um veredito naquela hora, contra os donos da casa, seria arriscado. Confesso que eu mesmo me senti confuso, vi, revi o lance e ainda tenho dúvida.

VAR

Por que o futebol é tão apaixonante? Por essas dúvidas e polêmicas depois de um jogo. Penso como o Felipão, que diz: “com o VAR o árbitro não tem mais autonomia”. O chip na bola ajudaria.

Deixe seu comentário:

publicidade