publicidade

Esportes
Navegue por

Opinião

Paixão Azurra: acerto ao não renovar com Jones Carioca

Colunista Vinícius Bello opina diariamente sobre os assuntos do Leão da Ilha

16/05/2019 - 07h55 - Atualizada em: 16/05/2019 - 07h52

Compartilhe

Vinícius
Por Vinícius Bello
(Foto: )

O atacante Jones Carioca chegou ao Avaí já no segundo turno da Série B, ano passado, sob indicação do técnico Geninho, que o treinou no ABC. Na ocasião, tínhamos um vácuo com a saída de Romulo justificando a contratação que mostrou muito pouco com a camisa do Avaí. A vaga acabou sendo preenchida por Getúlio, que ganhou destaque no sprint final que culminou com o nosso acesso.

Já Jones teve apenas aparições discretas, chamando atenção também para as pequenas lesões que teve. Por força contratual permaneceu para 2019, mas ficou claro que não está no nível exigido por uma Série A. Já aos 30 anos, não faria sentido, de fato, uma renovação, e o atacante se despediu da Ressacada com 18 partidas e apenas dois gols marcados. Desta vez a diretoria agiu certo, abrindo espaço também no orçamento para auxiliar na busca por um ou dois atacantes de velocidade, demanda urgente que temos na equipe.

Seguem voando

Se os jogadores do Leão não fazem sua parte, não se pode dizer o mesmo das jogadoras. As "Avaianas Caçadoras" seguem em grande estilo no Campeonato Brasileiro Feminino, obtendo mais uma vitória ontem. Fizeram 3 a 2 no Audax, ocupando a vice-liderança, em Caçador. Os gols foram marcados por Bruna Calderan, Neném e Carla. O próximo confronto é fora de casa contra o vice-lanterna São Francisco, da Bahia.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação