nsc
hora_de_sc

Opinião

Paixão Azurra: Battistotti, o negociador

Colunista Vinícius Bello opina diariamente sobre os assuntos do Leão da Ilha

19/09/2019 - 06h30 - Atualizada em: 19/09/2019 - 11h46

Compartilhe

Vinícius
Por Vinícius Bello
(Foto: )

* Colaborou Rafael Xavier dos Passos

Novamente o presidente Battisttoti faz críticas públicas ao jogador Luan Pereira, o Luanzinho. Que o jovem meia está decepcionando, em especial pela expectativa que havia em torno dele, é evidente. Mas não é papel do mandatário do clube ressaltar isso novamente na imprensa destacando pontos negativos da atuação do jogador. O próprio presidente vive falando que tem interesse em vendê-lo, o que é bastante justo, mas que certamente não será facilitado quando o “vendedor” vive desvalorizando o produto.

Luanzinho é um ativo do clube, jovem e ainda promissor. Deve ser tratado com cuidado, em especial por haver inúmeros jogadores que merecem críticas e que são poupados. Se estava ausente de entrevistas nos últimos meses, nesta quarta (18) o torcedor preferia que o presidente tivesse ficado calado nesse ponto.

Bola dentro

O Avaí fará promoção de ingresso para o jogo contra o Atlético-MG, na próxima segunda-feira. Nada mais justo, afinal o torcedor ainda está machucado. Já perceberam como todo ano tem promoção? Sabem o por quê?

Porque começa errado, cobrando preços que não condizem com a realidade do torcedor.

Mas a melhor ação, a bola dentro, foi retirar a obrigatoriedade de buscar o ingresso promocional do sócio na secretaria. A Ressacada é longe e é complicado ir até lá no meio da semana.

Colunistas