publicidade

Esportes
Navegue por

Opinião

Paixão Azurra: gol da esperança na reta final

Colunista Vinícius Bello opina diariamente sobre os assuntos do Leão da Ilha  

15/03/2019 - 07h15 - Atualizada em: 15/03/2019 - 07h14

Compartilhe

Vinícius
Por Vinícius Bello
(Foto: )

No jogo de ontem no Rio de Janeiro, a fatura parecia liquidada. Após um bom primeiro tempo, onde poderíamos ter até feito o segundo gol, acabamos sofrendo um com muita sorte do adversário. No segundo tempo, o Avaí de Geninho foi engolido pelas substituições de Valentim, que avançou dois meias e poderíamos ter levado até mais gols.

O nosso treinador demorou para tentar mudar o cenário. As entradas de Luanzinho e Moritz deram a reação que a equipe precisava no meio-campo, e a partida mudou já na reta final. Conseguimos o segundo gol, que nos deixa vivos para o confronto de volta, e a impressão que fica é que temos possibilidade de conseguir a classificação, espelhados principalmente no primeiro tempo do confronto.

Individuais

Tivemos forte contraste entre os jogadores do Leão. Se por um lado Pedro Castro e João Paulo fizeram grande partida, por outro Alex Silva e Iury, os laterais, estiveram em péssima noite. O último, especialmente, deixou vários espaços e falhou feio no gol de Rossi. Destacamos o jogo pelos lados do adversário, especialmente Danilo Barcelos e Rossi, exatamente por onde evoluíram na etapa final.

Página virada

Enquanto o Elephant está a semana toda pensando no clássico, agora que nós podemos virar a página e entrar no clima. O Avaí precisa da Ressacada lotada.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação