nsc
    dc

    Bem servido

    Para Ceni, São Paulo não precisa contratar novos goleiros para 2016

    Ídolo do Morumbi pede que Denis tenha sequência para se firmar no time

    13/12/2015 - 16h48

    Compartilhe

    Por Redação NSC
    (Foto: )

    Passada a euforia pela festa de despedida de Rogério Ceni, o São Paulo precisa pensar no futuro. E os próximos passos do time do Morumbi passam obrigatoriamente pelo sucessor do mito como goleiro titular em 2016. Em entrevista à Rede Globo, o maior ídolo são-paulino apostou as fichas em Denis e sugeriu que nenhum outro atleta da posição seja contratado.

    Felipão sobre jogo com o Barcelona: "Uma vitória não é impossível"

    — Ele tem que ter oportunidade, assim como eu tive. Ele tem talento, assim como o Renan (Ribeiro, terceiro goleiro). Isso (bom desempenho de Renan) dificultou essa certeza sobre o Denis, mas também mostra que o São Paulo tem dois bons goleiros. Não vejo necessidade de o São Paulo contratar — destacou o ídolo ao programa "Esporte Espetacular".

    Pato se diz pronto para retornar à Europa: "Gostaria de ir à Inglaterra"

    Denis foi contratado e estreou pelo São Paulo em 2009, durante partida contra a Portuguesa no Canindé. No mesmo ano, teve grande sequência como titular após Ceni fraturar o tornozelo esquerdo e repetiu a dose em 2012 quando o camisa 1 operou o ombro direito. O reserva acabou passando pela mesma cirurgia do ídolo neste ano e ficou no Reffis por seis meses.

    Futebol na TV e outros esportes: confira a programação desta segunda

    Nesse período, Ceni sofreu lesão muscular e Renan Ribeiro teve uma sequência pela primeira vez desde a chegada ao Morumbi em 2013. Ao todo, o camisa 28 disputou 11 partidas e chegou a ter o nome gritado pela torcida em alguns jogos.

    Griezmann marca golaço, e Atlético de Madrid vence o Bilbao

    Assim que o primeiro reserva se recuperou, no entanto, os dois passaram a revezar no banco de Ceni e foi Denis o escolhido quando o ex-capitão rompeu o ligamento tíbio-fibular do pé direito em outubro.Denis jogou os últimos sete compromissos do Tricolor na temporada e chegou a 92 partidas pelo clube na vitória por 1 a 0 sobre o Goiás na última rodada do Campeonato Brasileiro.

    Leonardo Oliveira: Felipão reaparece em grande estilo com o Guangzhou

    O resultado classificou os são-paulinos para a próxima edição da Copa Libertadores da América, a primeira desde 1992 em que a equipe não terá Rogério Ceni incluído na lista de inscritos.

    LANCEPRESS!

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Esportes

    Colunistas