nsc
    an

    Meio ambiente 

    Pela terceira vez em dez dias, uma baleia aparece encalhada na orla de Barra Velha, no Litoral Norte

    Animal estava morto e foi encontrado perto da ilha do Grant, a cerca de 150 metros da faixa de areia

    27/10/2017 - 18h28

    Compartilhe

    Por Redação NSC

    Pela terceira vez em um período de dez dias, uma baleia apareceu encalhada na orla de Barra Velha, no Litoral Norte de Santa Catarina. Nesta sexta-feira, profissionais da Unidade de Estabilização de Animais Marinhos da Univali foram acionados para socorrer uma outra baleia que estava na ilha do Grant, a cerca de 150 metros da orla.

    Segundo o coordenador da unidade, Jeferson Dick, ao chegar no local, foi constatado que o animal já estava morto. É possível que a baleia encontrada seja da espécie jubarte, a mesma que apareceu pela primeira vez há dez dias, na praia da Península, em Barra Velha. A equipe da Univali tirou fotos e recolheu material da baleia morta para fazer pesquisas. Ainda não está definido como será feita a retirada.

    — Vamos avaliar se vale a pena. Iremos monitorar o animal neste fim de semana, que, pela posição em que está encalhado, não incomoda tanto. Se decidirmos retirar de lá, teremos de pegar um barco grande e aí precisamos conversar com a Prefeitura — disse Jeferson.

    Conforme ele, ainda não é possível se dizer que as mortes das três baleias é algo fora do comum. Jeferson afirma que muitas baleias passam pelo litoral catarinense nesta época do ano e que as mortes, até prova em contrário, são um processo natural.

    — Estamos avaliando todas as hipóteses. É um período de migração das baleias. O que pode estar acontecendo é que elas estejam subnutridas, mas, por enquanto, não podemos dar um parecer definitivo — destacou.

    No dia 16 de outubro, uma baleia jubarte encalhou na praia de Península. Ela estava viva e equipes de socorro conseguiram devolvê-la ao mar após horas de trabalho. Pouco tempo depois, a baleia voltou a encalhar perto dali, mas já sem vida. No domingo passado, uma segunda baleia apareceu encalhada e morta, desta vez na praia do Tabuleiro. O animal já estava em adiantado estado de decomposição e so profissionais não conseguiram fazer a identificação da espécie.

    Colunistas