nsc

publicidade

Novidade

Pilotos reagem negativamente ao novo logo da F-1

Nova marca gerou polêmica nos bastidores da categoria

27/11/2017 - 14h53

Compartilhe

Por Lancepress
(Foto: )

Os principais pilotos da Fórmula-1 reagiram negativamente ao lançamento do novo logo da categoria. Embora a remodelagem completa da F-1 só vá ser lançada no início da próxima temporada, o mundo pôde examinar o novo logo no pódio de Abu Dhabi 2017.

— Nós queríamos apresentá-lo agora para ajudar nossos parceiros a analisar como eles vão usá-lo — disse o chefe comercial da F-1, Sean Bratches, para La Gazzetta dello Sport.

Mas Sebastian Vettel, referindo-se ao emblemático logo "voador" que foi introduzido na era Bernie Ecclestone em 1993, disse:

—Eu gostei mais do anterior.

A nova marca comercial da Liberty Media é um "F" e "1" estilizado, que lembra o logotipo da ESPN.

— Parece que os novos proprietários querem provar a si mesmos abandonando o que foi feito antes — disse Igor Yermelin para à Sportbox. O diretor russo de corridas automobilísticas seguiu:

— Mas o novo logotipo é incompreensível, desinteressante, barato e infantil.

O vencedor do GP de Abu Dhabi, Valtteri Bottas, comentou:

— O que havia de errado com o antigo?

E o tetracampeão mundial Lewis Hamilton afirmou que sentirá falta da tradição da marca anterior:

— Eu acho que aquele que já tínhamos era icônico. Imagine a Ferrari ou a Mercedes mudando seus logotipos.

Bratches tentou explicar:

— Muitas pessoas nunca perceberam que havia um invisível "1" entre o "F" e o "1" do logotipo antigo. O novo antigo é mais claro. Também era difícil bordar a "impressão de velocidade" do logo antigo nas camisas, etc. Na era digital, grandes marcas como Starbucks e Coca-Cola simplificaram seus logotipos para maior clareza, e esse é o caso para nós também".

Quanto às críticas, Bratches minimizou.

— Toda vez que uma marca é alterada, e especialmente uma marca que desperta tanta paixão, você deve esperar essas reações. É normal que as pessoas não gostem das mudanças, mas acho que é bom porque mostra que as pessoas se preocupam com a marca — acrescentou.

O presidente da FIA, Jean Todt, disse que o órgão que comanda o esporte aprovou o novo logo.

— Cabe aos detentores dos direitos apresentar um novo logotipo se quiserem. As pessoas devem ser positivas sobre a mudança. As pessoas da Liberty são muito talentosas e provaram suas qualidades em outros esportes. Confio no seu julgamento — disse ele, em Abu Dhabi.

Deixe seu comentário:

publicidade