nsc

    FAKE NEWS

    Polícia Civil identifica homem que fez vídeo falso sobre Ceasa de Minas Gerais 

    Ele pode ser condenado a multa ou prisão de 15 dias a seis meses por infração prevista na Lei de Contravenções Penais

    02/04/2020 - 15h57

    Compartilhe

    Por Redação CBN Diário
    Vídeo denunciava suposto desabastecimento
    Vídeo denunciava suposto desabastecimento
    (Foto: )

    POR PEDRO BOHNENBERGER

    A Polícia Civil de Minas Gerais identificou o homem que fez um vídeo sobre a Ceasa de Contagem, na Grande Belo Horizonte, dizendo que havia desabastecimento. O suspeito vai prestar depoimento na delegacia e pode responder por provocar alarme de perigo inexistente, infração prevista no artigo 41 da Lei de Contravenções Penais.

    O vídeo, que chegou a ser compartilhado pelo presidente Jair Bolsonaro, foi desmascarado pela reportagem da Rádio CBN de Belo Horizonte.

    > Em site especial, saiba tudo sobre o coronavírus

    Ele chegou a fazer um novo vídeo tentando comprovar o dia que gravou as imagens, mas a polícia diz que as imagens das câmeras de segurança do local mostram que o serviço estava normal no dia que ele alega que a filmagem foi feita.

    - Temos imagens da Ceasa em pleno funcionamento no horário em que ele disse ter feito o vídeo - afirma o delegado Saulo de Tarso Castro.

    O presidente Jair Bolsonaro chegou a compartilhar o vídeo, mas depois o retirou das redes sociais e pediu desculpas.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Política

    Colunistas