nsc
an

Investigação

Polícia investiga morte de animais em propriedades rurais de Joinville

Situação semelhante ocorreu em 2018 na região

12/06/2020 - 15h32

Compartilhe

Patrícia
Por Patrícia Della Justina
Bois da área rural de Joinville são alvo de criminosos
Bois da área rural de Joinville são alvo de criminosos
(Foto: )

A Polícia Civil abriu um inquérito nesta sexta-feira (12) para investigar a morte e roubo de bois em propriedades rurais no distrito de Pirabeiraba, em Joinville. Conforme o delegado responsável pelo caso, Rodrigo Bueno Gusso, nos último dez dias, três animais foram mortos em propriedades diferentes.

A principal suspeita é que eles estejam sendo mortos para a comercialização da carne. Os suspeitos invadem o local, matam os animais com arma de fogo, retiram a carne para a venda e deixam o restante no mesmo local.

De acordo com um dos proprietários dos animais, na região do Rio Bonito, o prejuízo já ultrapassa R$ 10 mil. Segundo ele, essa não é a primeira vez que a situação ocorre na propriedade. Em 2018, a Polícia Civil prendeu um chefe de quadrilha responsável por comandar a morte e roubo de seis bois em um período de dez dias. À época, o prejuízo estimado foi de R$ 40 mil.

Naquele período, o delegado também fez o apelo para que a comunidade de Joinville não adquirisse carne bovina em mercado paralelo, uma vez que os produtos têm procedência questionável.

— Sem falar na questão alimentícia da carne, que pode fazer muito mal a quem está consumindo — avisou o delegado.

> Receba notícias de Joinville e da região Norte de SC por WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do AN

Colunistas