nsc
hora_de_sc

Na Trindade

Praça Santos Dumont será entregue revitalizada à comunidade em novembro

Projeto valoriza conjunto arquitetônico formado pela Igrejinha da UFSC e a paróquia local

11/05/2021 - 13h51

Compartilhe

Redação
Por Redação Hora
Praça Santos Dumont
A vegetação, um respiro em meio à urbanização do bairro, foi mantida em sua grande parte
(Foto: )

Parte do conjunto histórico composto pela Igrejinha da UFSC e pela Igreja Matriz da Paróquia Santíssima Trindade, a Praça Santos Dumont, também conhecida como Praça da Trindade, será totalmente revitalizada e entregue à comunidade em novembro. O projeto da nova praça tem assinatura da Desterro Arquitetos e valoriza a integração com o bairro da Trindade, que tem na universidade um dos seus principais eixos. O projeto foi baseado no levantamento feito pelo IPUF junto à própria comunidade.

- O espaço, apesar da sua importância para o bairro, estava muito degradado, e a revitalização era uma antiga reivindicação da comunidade - diz Arthur Lins, arquiteto responsável pelo projeto. - Estudamos o local durante cinco meses, entendemos as necessidades e criamos um projeto que pensa na praça como um espaço coletivo, com áreas de descanso, sombra, um largo central conectado à paróquia para eventos culturais e festivos.

> Receba notícias de Florianópolis e região pelo WhatsApp

O paisagismo também foi revisitado. A vegetação, um respiro em meio à urbanização do bairro, foi mantida em sua grande parte, à exceção de árvores senis ou com perigo de queda, que foram removidas e outras realocadas. A acessibilidade foi um dos principais requisitos do projeto. O interior da praça se abre para a rua através de acessos recuados e caminhos acessíveis. Os fluxos e caminhos foram organizados e sinalizados, com espaços de espera, permanência e contemplação.

A academia foi reaproveitada, porém deslocada para um espaço mais adequado, já que estava no eixo histórico da Igrejinha. Foram criados espaços para receber pequenos quiosques, assim como foi ampliada a iluminação da praça, com luminárias mais contemporâneas que se somaram às luminárias originais.

> No Limite: saiba tudo sobre a estreia; que já vai contar com prova e eliminação

- Criamos um espaço para atrair públicos diferentes, como estudantes, trabalhadores, moradores do bairro - destaca o arquiteto. - Iluminar adequadamente, oferecer aconchego e tranquilidade em meio à correria do dia a dia, espaços para descanso, sombra e interação, são aspectos importantes para a segurança da praça. Espaços seguros são espaços com pessoas.

A praça foi adotada pela Dimas Construções, parceira do programa Praça Viva, da Prefeitura de Florianópolis.

> Globo de Ouro 2022 sofre boicote da NBC e da Netflix após acusações de racismo e corrupção

Colunistas