nsc
    dc

    Esconderijo ilhéu

    Praia da Lagoinha do Leste é escondida, preservada e acessível apenas por trilhas

    Prepare-se para caminhar e descobrir uma das mais belas praias de Ilha de Santa Catarina

    27/11/2013 - 14h28 - Atualizada em: 28/11/2013 - 12h12

    Compartilhe

    Por Redação NSC
    Lagoinha do Leste é uma das praias mais preservadas da Ilha de Santa Catarina
    Lagoinha do Leste é uma das praias mais preservadas da Ilha de Santa Catarina
    (Foto: )

    Ela é a praia mais escondida da Ilha de Santa Catarina. Fica lá no Sul, perto da Praia do Pântano, depois do Matadeiro, atrás do morro e só acessível por trilhas. Tanto quanto escondida, a Praia da Lagoinha do Leste é preservada.

    Para se chegar até a Lagoinha do Leste, há duas opções de trilhas. A primeira é através do Pântano do Sul, com início ao lado do último ponto de ônibus. A trilha íngreme passa pelo meio do mato e dos morros, o chão é pedregoso e irregular, mas fácil de andar se você prestar atenção onde pisa. Depois da subida, vem a surpresa de uma vista fabulosa da Lagoinha. A caminhada dura cerca de uma hora.

    A outra trilha sai da Armação, e é mais demorada. Saindo da praia, é preciso atravessar um córrego até o Matadeiro, e lá pegar a trilha que vai pela encosta do morro na direção Norte-Sul, margeando pelo alto do costão à beira-mar. O trajeto completo dura cerca de duas horas e meia a três horas, mas a vista pelo costão é espetacular.

    Qualquer que seja a sua escolha, não se esqueça de ir com roupas e calçados adequados, protetor solar em todo o corpo e levar reserva de água e comida (não só para a trilha, mas para o dia inteiro em que for passar na praia. Na Lagoinha não há bares ou restaurantes, a praia é totalmente deserta). Uma dica legal é começar o dia cedo, para aproveitar bastante e evitar retornar pela trilha no escuro. Ir em grupo é uma boa ideia - além de mais divertido, é também mais seguro.

    O esforço vale a pena: o mar é de um azul intenso, a areia é branca e a lagoa à beira mar envolta por uma mata verde mais parecem uma miragem. As águas do mar são geladas, mas as da lagoa oferecem temperatura agradável.

    Dicas:

    > No costão Sul, à direita de quem chega na praia pela trilha do Pântano do Sul, tem o Morro das Coroas. O nome se dá pelas grandes pedras que estão no seu topo. A subida é longa e íngreme, leve cerca de 40 minutos, mas a vista da praia lá de cima é linda.

    > Como há duas trilhas de acesso a praia, uma opção para quem pode dedicar um dia inteiro de caminhada e muita praia, a sugestão é deixar o carro ou ir de ônibus até a Praia da Armação. Lá atravessar a Praia do Matadeiro e seguir pela trilha pelo costão até a Lagoinha do Leste. A volta, pode ser feita pelo outro acesso, a trilha do Pântano do Sul. Então, basta pegar um ônibus até a Armação e retirar o carro do estacionamento.

    Como chegar

    De carro: partindo do Centro da cidade, da avenida Governador Gustavo Richard acesse o túnel Antonieta de Barros e em seguida a Via Expressa Sul. Pegue a SC-401, em seguida a SC-405 e a SC-406 até a entrada para a Lagoinha.

    De ônibus: no terminal do Centro (Ticen), pegue qualquer linha que chegue até o Terminal de Rio Tavares (Tirio). A empresa Insular oferece as linhas Rio Tavares (430), Rio Tavares Direto (410) e Rio Tavares Semidireto (420). No Tirio, siga com a linha Pântano do Sul (564). Da comunidade do Pântano do Sul, pegue a trilha até a Lagoinha do Leste.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas