nsc

publicidade

Proteção no mar

Pré-temporada da Operação Veraneio tem início no próximo sábado

Guarda-vidas começam a atuar nas praias movimentadas de Santa Catarina

01/10/2013 - 17h17 - Atualizada em: 02/10/2013 - 07h56

Compartilhe

Por Redação NSC
Em Florianópolis, os guarda-vidas já começam a atuar durante toda a semana nas praias mais movimentadas
Em Florianópolis, os guarda-vidas já começam a atuar durante toda a semana nas praias mais movimentadas
(Foto: )

As praias mais movimentadas de Santa Catarina ficarão mais seguras a partir deste sábado. Começa a pré-temporada da Operação Veraneio do Corpo de Bombeiros em 40 praias do litoral catarinense com, pelo menos, 200 guarda-vidas atuando aos finais de semana e feriados. Os números oficiais do Comando-Geral do Corpo de Bombeiros ainda serão finalizados até sexta-feira. Na primeira semana de novembro, mais 70 agentes farão a cobertura de 13 praias no Sul do Estado.

São guarda-vidas civis, que atuaram em outras temporadas e foram recertificados para atuar agora, com acompanhamento dos militares. Diferentemente das demais regiões, nas praias com maior movimento, os guarda-vidas trabalharão a semana inteira em Florianópolis. Na alta temporada, haverá 320 guarda-vidas civis e 50 militares.

O Litoral Norte terá o maior reforço a partir deste sábado, com 88 guarda-vidas. Segundo o chefe de operações do Batalhão de Itajaí, major Renaldo Laureano Júnior, nos finais de semana o número poderá chegar a 150 agentes. No 13o Batalhão três novos postos serão ativados: dois em Mariscal e na Conceição, em Bombinhas, e um em Laranjeiras, em Balneário.

A Operação Veraneio será reforçada, com atendimento diário, apenas no início oficial da temporada de Verão, previsto para a segunda quinzena de dezembro. Segundo o comandante-geral, coronel Marcos de Oliveira, será o maior efetivo da história, com quase 2,1 mil bombeiros. A segurança das praias será reforçada com cerca de 1,2 mil bombeiros guarda-vidas civis, 300 bombeiros militares - que atuam no interior do Estado -, os 400 militares do litoral que estarão à disposição, mais os 180 novos soldados, que se formam em dezembro. Segundo o chefe de Estado-Maior Geral do Corpo de Bombeiros, coronel Carlos Augusto Knihs, os 12 batalhões do Estado estão concluindo os cursos de formação dos guarda-vidas civis.

Até o final de outubro, o Estado lança um pregão para comprar mais 26 botes motorizados, 26 jet-skis, 26 quadriciclos, 26 viaturas, um barco de médio porte e um barco de combate a incêndio no litoral. Os equipamentos devem ser usados a partir de dezembro.

Deixe seu comentário:

publicidade