nsc
    an

    publicidade

    Política

    Prefeito e políticos de Joinville prestam homenagens a LHS

    Udo Dohler, Rodrigo Coelho e Rodrigo Fachini foram os primeiros a chegar na Unimed após a morte do senador

    10/05/2015 - 15h12 - Atualizada em: 10/05/2015 - 22h36

    Compartilhe

    Por Redação NSC
    Morte de LHS foi confirmada na tarde deste domingo
    Morte de LHS foi confirmada na tarde deste domingo
    (Foto: )

    O prefeito Udo Döhler, o vice Rodrigo Coelho e o presidente da Câmara de Vereadores de Joinville, Rodrigo Fachini, foram os primeiros políticos a chegar no hospital da Unimed, logo após a morte do senador Luiz Henrique da Silveira.

    Leia também:

    Marcada por vitórias políticas, trajetória de Luiz Henrique somou 44 anos de história em SC

    - É uma perda muito grande para Joinville, para Santa Catarina e para o Brasil - disse o prefeito, que tomou a dianteira para coordenar uma força-tarefa de preparação do velório e das homenagens ao ex-prefeito e seu padrinho político. Foi pelas mãos de LHS que Udo se lançou candidato a prefeito de Joinville, em 2012.

    Rodrigo Coelho homenageou a família e lamentou a perda.

    - Que Deus abençoe dona Ivete, os filhos e netos. Que perda! Que tristeza! - disse.

    O presidente da Câmara, que também teve sua carreira acompanhada pelo ex-prefeito, lembrou a importância de LHS para Joinville.

    - Todas as obras de Joinville tem seu DNA. Era um grande homem - disse.

    O deputado Marco Tebaldi também lamentou o falecimento do senador.

    - O senador Luiz Henrique da Silveira foi um homem determinado, que viveu dia-a-dia a sua grande paixão, a política. Tive a honra de caminhar ao seu lado durante um importante período de nossas vidas. Em nome de dona Ivete, quero me solidarizar com a família. O seu oxigênio foi a política. A sua inspiração, Joinville - disse Tebaldi.

    O Deputado Kennedy Nunes sente a dor da perda do Senador Luiz Henrique da Silveira, e se solidariza pelos familiares.

    - Político catarinense que foi Prefeito da cidade de Joinville por três mandatos, Governador de Santa Catarina por dois mandatos, Deputado Estadual e Federal e encerra seu ciclo como Senador da República. Mesmo em lados opostos, militando em partidos diferentes, sempre o respeitei como um grande adversário e aprendi muito nas batalhas políticas - disse Nunes.

    A Associação Empresarial de Joinville (Acij) também divulgou nota de pesar em nome do presidente João Martinelli.

    - Luiz Henrique foi um dos grandes defensores de Joinville e de Santa Catarina. Advogava em favor da democracia, da liberdade e da descentralização do poder. Perdemos um dos homens mais ilustres da história de nossa cidade e do nosso Estado - disse o presidente.

    Udo fala sobre a morte do senador durante o velório

    - ANaovivo (@anaovivo) 11 maio 2015

    O senador Luiz Henrique da Silveira, de 75 anos, passou mal no início da tarde deste domingo e morreu no hospital da Unimed, às 15h15.

    AO VIVO: acompanhe as últimas informações sobre a morte de LHS

    Prefeitura de Joinville decreta luto oficial

    Deixe seu comentário:

    publicidade

    publicidade

    publicidade

    publicidade