nsc
    santa

    Alto Vale

    Detido por roubo em SC é solto, mas preso um dia depois por dirigir bêbado e transportar capivara morta

    Caso foi registrado em Rio do Sul no início da tarde deste domingo

    10/08/2020 - 07h41 - Atualizada em: 10/08/2020 - 09h25

    Compartilhe

    Augusto
    Por Augusto Ittner
    Carro que foi levado durante o roubo do sábado, um dia antes.
    Carro que foi levado durante o roubo do sábado, um dia antes.
    (Foto: )

    Um homem que havia sido preso no sábado (8) suspeito de participar de um assalto em Rio do Sul, no Alto Vale do Itajaí, foi preso novamente neste domingo (9). Segundo relato da Polícia Militar, ele estava dirigindo embriagado, portava um dos celulares levados durante o roubo e carregava uma capivara morta no porta-malas do veículo.

    > Receba notícias do Santa por WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do jornal

    O fato foi atendido por volta das 13h30min deste domingo na Rua Vidal Ramos, no bairro Budag. A PM abordou um carro e notou que o motorista estava com visíveis sinais de embriaguez. Foi feito o teste de bafômetro, que apontou 0,89 miligrama de álcool por litro de ar expelido, quase o triplo do índice que já configura crime de trânsito.

    Ao verificar o nome do motorista no sistema, os policiais perceberam se tratar do suspeito de participar de um assalto na Tornearia Zulow, no dia anterior. Ele estava com um celular que teria sido levado durante o crime — que continha diversas fotos da empresa. Além disso, em revista, os PMs localizaram uma capivara morta no porta-malas do veículo. Segundo o homem, ele teria atropelado o animal e recolhido o corpo para não deixá-lo no asfalto.

    Por conta de todo esse contexto, ele foi preso por crime de trânsito, encontro de objeto roubado e crime ambiental por transporte de animal silvestre. Ele foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Rio do Sul.

    Leia também

    'Fantástico' destaca ozônio em Itajaí como “falsa promessa” para tratar o coronavírus

    Menino de 12 anos é a pessoa mais jovem a morrer por coronavírus no Vale do Itajaí, em Gaspar

    Colunistas