nsc
    dc

    Oeste de SC

    Professor é afastado após denúncias de assédio em Concórdia

    Ele ainda responde a outra ação de improbidade administrativa e duas ações criminais por casos de abusos semelhantes

    07/05/2018 - 08h36 - Atualizada em: 07/05/2018 - 08h51

    Compartilhe

    Por Redação NSC

    Um professor da rede municipal de Concórdia, no Meio Oeste de Santa Catarina, foi afastado do cargo após suspeita de assédio sexual contra alunas menores de idade. A liminar foi concedida pela 2ª Vara Cível de Concórdia na última sexta-feira (04) após um pedido do Ministério Público.

    A ação de improbidade administrativa solicita que o professor seja proibido de exercer funções públicas que tenham contato com crianças e adolescentes. De acordo com a denúncia, o objetivo do processo é proteger a integridade dos jovens após sucessivos casos de abuso.

    Antes de trabalhar na rede municipal, a Promotoria afirma que ele exercia o cargo de professor estadual, do qual foi demitido também após denúncias de assédio contra alunas. Ao tomar posse como professor da rede municipal, ele declarou que não havia sido punido no cargo anterior.

    O homem ainda responde a outra ação de improbidade administrativa e duas ações criminais por casos de abusos semelhantes. Os processos tramitam em segredo de Justiça por envolver crianças e jovens menores de idade. Dessa forma, o Ministério Público não divulgou o nome do homem indiciado para não expor as vítimas da situação.

    Leia Mais

    VÍDEO: Dois assaltantes morrem após roubo de caminhão e perseguição

    Ônibus com 30 passageiros é alvo de assalto e tiros na BR-101

    Homem é morto no Norte da Ilha, em Florianópolis

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas