nsc
    an

    Norte de SC

    Quadrilha é presa em Joinville e Barra Velha por vender carros alugados com documentos falsos

    Estima-se que, com a prática do golpe, a associação criminosa tenha conseguido lucrar cerca de R$ 1,2 milhão só em 2019

    10/02/2020 - 20h53 - Atualizada em: 10/02/2020 - 21h15

    Compartilhe

    Patrícia
    Por Patrícia Della Justina
    Polícia Civil apreendeu documentos, celulares, placas e outros materiais usados pela quadrilha
    Polícia Civil apreendeu documentos, celulares, placas e outros materiais usados pela quadrilha
    (Foto: )

    Quatro homens e uma mulher foram presos em Joinville e Barra Velha durante esta segunda-feira (10) pela prática de um crime que tem se espalhado pelo Brasil. Conforme a Polícia Civil, a associação criminosa utilizava documentos falsos para alugar carros em locadoras do estado de São Paulo. Os investigados não devolviam os veículos e, enquanto o boletim de ocorrência não era registrado pela empresa, eles transferiam os carros a falsos compradores que os vendiam como se fossem deles.

    Ainda a partir das investigações da Polícia Civil, estima-se que somente no ano de 2019 a quadrilha tenha lucrado cerca de R$ 1,2 milhão com a prática dos crimes. Até esta segunda-feira, 13 vítimas foram identificadas. Elas são de Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Paraná, regiões por onde atuava a associação criminosa.

    A Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Joinville cumpriu os mandados de busca e apreensão em Joinville e em Barra Velha, nas casas dos investigados. Além disso, foi localizado um dos carros com registro de furto e apreendidos módulos utilizados para furtar veículos, placas falsas e comprovantes de movimentações bancárias.

    A polícia também cumpriu mandado de busca domiciliar em um escritório de despachante e vistoriadora de veículos de Joinville.

    Ainda foi dado cumprimento aos mandados de prisão temporária a um dos investigados, além da lavratura de auto de prisão em flagrante contra dois deles pelos crimes de furto qualificado e adulteração de sinal identificador de veículo automotor. O grupo foi encaminhado ao Presídio Regional de Joinville.

    Leia as últimas notícias de Joinville e região.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Polícia

    Colunistas