publicidade

Cotidiano
Navegue por

Violência

Quadrilha explode agências bancárias, rende duas mulheres e ataca base da PM em Otacílio Costa

Enquanto criminosos estouravam agências da Caixa e Bradesco, outra equipe disparou contra uma base da PM na cidade

12/05/2017 - 04h46 - Atualizada em: 21/06/2019 - 22h52

Compartilhe

Por Redação NSC
Ataque ocorreu por volta das 3h45min e atingiu as unidades da Caixa Econômica Federal (CEF) e Bradesco
Ataque ocorreu por volta das 3h45min e atingiu as unidades da Caixa Econômica Federal (CEF) e Bradesco
(Foto: )

Duas agências bancárias foram explodidas na madrugada desta sexta-feira em Otacílio Costa, na Serra catarinense. O ataque ocorreu por volta das 3h45min e atingiu as unidades da Caixa Econômica Federal (CEF) e Bradesco. Durante a ação, duas mulheres que passavam de carro na região foram feitas reféns. Enquanto os criminosos atuavam nos bancos, outro grupo disparou contra a companhia da PM no bairro Poço Rico. Ao menos oito homens, todos de colete a prova de balas e armamento pesado, participaram das ações. Depois das explosões, os assaltantes conseguiram fugir. Ninguém ficou ferido.

As agências atacadas ficam uma de frente para a outra. Segundo a polícia, ao menos um caixa eletrônico na agência da CEF foi estourado. No local, um explosivo foi deixado pelos assaltantes e o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) de Florianópolis foi acionado para fazer a desativação. Já na unidade do Bradesco, não há informação sobre os danos causados. O valor levado das duas agências ainda não foi informado.

Grupo explode bancos em Otácílio Costa

De acordo com o tenente Marco Morafon, responsável pela ocorrência, na base da PM, pelo menos três assaltantes dispararam contra os policiais que trabalhavam no local.

— Eles se dividiram e, na base da PM, quando perceberam movimentação dentro, dispararam várias vezes. Cerca de 15 disparos atingiram as paredes e janelas da unidade PM. A guarnição policial revidou com disparos de dentro do quartel. — relatou.

O grupo fugiu, em princípio, em dois veículos pela SC-114, sentido BR-470. A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Militar Rodoviária Estadual (PMRv) foram acionadas, mas até o momento ninguém foi preso.

Onda de assaltos atinge interior catarinense

Ataque ocorreu por volta das 3h45min e atingiu as unidades da Caixa Econômica Federal (CEF) e Bradesco
Ataque ocorreu por volta das 3h45min e atingiu as unidades da Caixa Econômica Federal (CEF) e Bradesco
(Foto: )

O assalto aos dois bancos em Otacílio Costa, com 18 mil habitantes, leva as marcas de terror, incluindo reféns e tiros contra policiais militares, assinados pela quadrilha que tem amedrontado o interior de Santa Catarina desde o começo do ano.

Fortemente armado, o grupo domina as cidades, faz reféns, atira para atemorizar e explode bancos para roubar dinheiro dos caixas eletrônicos. Há situações em que ônibus são colocados nas imediações para bloquear a via. Os assaltantes também já incendiaram veículos. Houve ataques com essas características em Rio dos Cedros, no Vale do Itajaí, Fraiburgo, no Meio-Oeste, Pouso Redondo, no Alto Vale, eSalto Veloso, no Meio-Oeste.

Ainda não há informações se o ataque desta sexta-feira é obra do mesmos criminosos. A Diretoria Estadual de Investigações Criminais (Deic) de Florianópolis investiga os crimes e suspeita que ao menos dois roubos em agências bancárias em Fraiburgo e Rio dos Cedros tenha sido praticado pelos mesmos homens. As suspeitas são de que eles seriam do Paraná.

*Colaborou Luiz Daudt Júnior

Acompanhe as últimas notícias do Diário Catarinense

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação