O governador Raimundo Colombo (PSD) seria reeleito em primeiro turno se as eleições fossem hoje. A primeira pesquisa Ibope contratada pelo Grupo RBS desde a confirmação das candidaturas mostra o pessedista com 40% das intenções de voto, contra 27% dos adversários somados.

Continua depois da publicidade

Em segundo lugar, aparece o senador Paulo Bauer (PSDB), com 10% da preferência do eleitorado. O ex-deputado federal Claudio Vignatti (PT) tem 6%, seguido pelo vereador Afrânio Boppré (PSOL), com 4%. Elpídio Neves (PRP), Gilmar Salgado (PSTU) e Janaína Deitos (PPL) têm 2%, enquanto Marlene Soccas (PCB) marcou 1%. Brancos e nulos somaram 15% e 18% dos entrevistados não souberam ou não responderam.

>>> Leia mais notícias sobre as Eleições 2014

Não foram feitas simulações de segundo turno porque, conforme o contrato, esses cruzamentos só serão feitos a partir da próxima pesquisa. Nos próximos levantamentos, serão realizadas simulações de segundo turno entre os candidatos mais citados nessa pesquisa.

O Ibope também realizou a pesquisa espontânea – em que os nomes dos candidatos não são apresentados aos eleitores. Colombo lidera nesse cenário, sendo citado por 16% dos eleitores. Somam 2% os pesquisados que citaram Bauer. Afrânio, Vignatti, Elpídio, Salgado e Janaína foram lembrados por 1% dos eleitores.

Continua depois da publicidade

>>> Leia também como estava o cenário em abril, período pré-eleitoral:

::: Disputa ao governo do Estado

::: Corrida para a Presidência da República

::: Eleição para vaga de senador

Além da disputa pelo governo, o Ibope pesquisou a intenção de votos para o Senado. O deputado federal Paulo Bornhausen (PSB) lidera com 20% da preferência dos eleitores pesquisados. Em segundo lugar, aparece o ex-prefeito de Florianópolis Dário Berger (PMDB), com 12%, seguido pelo ex-deputado federal Milton Mendes (PT), que alcançou 8% das intenções de voto. Junara Ferraz (PRP) e Rosane de Souza (PSTU) receberam 4%, enquanto Alan Alves Moreira (PMN) e Amauri Soares (PSOL) foram citados por 2% dos eleitores.

Na corrida presidencial, os eleitores catarinenses dão vantagem para a presidente Dilma Rousseff (PT). A petista alcançou 31% das intenções de voto, contra 22% do senador Aécio Neves (PSDB). O ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) alcançou 8% das citações.

Destaques do NSC Total