nsc
an

Hospitais

Região de Joinville tem maior fila por leitos de Covid-19 em SC, com 182 pessoas à espera

Até a manhã da última segunda-feira, 100 pessoas aguardavam por leitos de UTI e 82 por leitos de enfermaria

23/03/2021 - 05h00

Compartilhe

Patrícia
Por Patrícia Della Justina
São 182 pessoas aguardando por leitos na região de Joinville
São 182 pessoas aguardando por leitos na região de Joinville
(Foto: )

A região de Joinville registra a maior fila de espera por leitos de UTI e enfermaria em Santa Catarina. Os dados foram divulgados pelo Governo do Estado na última segunda-feira (22).

> Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

Até a manhã de segunda, 100 pacientes aguardavam por leitos de UTI Covid-19 e 82 esperavam por leitos clínicos também para tratamento de coronavírus. Com relação à atualização anterior, no último domingo (21), eram três pacientes a menos para leitos de UTI e quatro a mais para leitos de enfermaria. 

Em todo o estado, o total chega a 374. Florianópolis é a segunda região com mais pacientes em espera: 67 para leitos de UTI e 23 para enfermarias. 

A Macrorregião registra, ainda, 37 pessoas que precisaram realizar solicitação de transferência em busca por leito UTI adulto junto à Central Estadual de Regulação de Internações Hospitalares (Cerih), que regula a oferta de vagas em outras regiões. A região está atrás apenas da Grande Florianópolis, que tem 38.

Segundo a Prefeitura de Joinville, um dos fatores que influenciam neste aumento é a quantidade de leitos semi-intensivos: Joinville detém o maior número de SC. A prefeitura ainda pontua que quando os pacientes são levados aos leitos semi-intensivos, automaticamente têm o nome inserido na lista de espera. Ainda conforme o município, nenhum desses pacientes que aguardam por leitos ficam desassistidos. 

> Acompanhe dados da vacinação em cada município de SC no Monitor da Vacina

Além disso, os números correspondem à região de Joinville, ou seja, não só da cidade de Joinville, como de municípios vizinhos os quais, muitas vezes, não posseum nem mesmo estrutura de UTI. 

Internações continuam crescendo 

Pela segunda vez só neste mês de março, Joinville teve o maior número de internados desde o início da pandemia. Até a última segunda-feira, o município registrava 290 pessoas sendo atendidas em UTIs e enfermarias por causa da Covid-19. 

> Aglomeração de idosos é causada por falha no sistema de vacinação em São Francisco do Sul

O colunista Jefferson Saavedra informou que a expectativa de ampliação de leitos de UTI no Hospital Regional não se confirmou. A equipe contratada pelo Hospital Bethesda por meio de convênio com a Secretaria de Saúde de Joinville para atuar no estabelecimento estadual iniciou o treinamento, mas a ativação das vagas só deve ocorrer nos próximos dias. 

Colunistas