nsc
    dc

    Série A

    Rever golaço, ansiedade e sonhos: o relato de Jonathan após primeiro gol pelo Avaí 

    Jogador da base azurra há um ano, atacante de 20 anos marca o tento da vitória sobre o Athletico pelo Brasileirão 2019

    18/09/2019 - 15h49

    Compartilhe

    Redação
    Por Redação DC
    Jonathan vive alegria nos primeiros dias no time profissional do Avaí
    Jonathan vive alegria nos primeiros dias no time profissional do Avaí
    (Foto: )

    Jonathan foi o autor do gol do Avaí sobre o Athletico na última rodada do Brasileirão 2019. Um golaço de fora da área que garantiu a segunda vitória azurra na competição e que também o primeiro do jogador como profissional. O atacante de 20 anos apareceu ao País há poucos dias com a camisa do Leão da Ilha e relatou em entrevista coletiva, nesta quarta-feira, os sentimentos vividos nos últimos dias.

    Ele tem três jogos com a camisa do Avaí. No primeiro como titular, conseguiu o primeiro gol e o da vitória. Um chute forte de fora da área que encontrou o ângulo. Ele tem assistido ao lance e recebido mensagens desde a tarde do último domingo.

    - Estou vendo até hoje, abre o instagram e tem o gol, amigos mandando mensagem, família feliz pelo momento que estou vivendo. Também estou contente pelo golaço. Não me canso de olhar o gol, o primeiro como profissional - contou.

    Foi a primeira entrevista coletiva dele como atleta. Mais uma situação propiciada pelo gol da vitória na Arena da Baixada.

    - Passa filme porque é sonho de criança estar aqui (auditório da Ressacada), dar uma coletiva. Sou bastante timido e ficava pensando no que falar e no que iriam perguntar. É uma felicidade enorme pelo momento, pelo que vem fazendo aqui, Mas é melhor estar no campo - brincou.

    Gaúcho de Capão da Canoa, ainda criança jogou em escolinhas do Juventude. Aos 10 anos foi chamado pelo Internacional por onde ficou até o ano passado, ao desembarcar na Ressacada. Foram 10 gols na Copa São Paulo de futebol júnior, Brasileirão de Aspirantes e Catarinense sub-20, com título do Avaí, que o credenciaram a receber a chance do técnico Alberto Valentim.

    A estreia dele foi na vitória sobre o Fluminense, por 1 a 0, no Maracanã. Na partida seguinte, também saiu do banco para enfrentar o Flamengo no Mané Garrincha, em Brasília. Na terceira partida, a primeira como titular, balançou as redes na Arena da Baixada. As três partidas como profissional foram em estádios que receberam a Copa do Mundo no Brasil, há cinco anos. Agora ele está ansioso pela primeira vez na Ressacada com o time principal do Avaí.

    - Estou bem ansioso mesmo para estrear na Ressacada. Comentei com a família, que é o primeiro jogo em casa, com torcida do Avaí ajudando e dando apoio, algo que precisamos neste segundo turno. Estou ansioso para jogar em casa.

    Leia mais notícias e opiniões sobre o Avaí.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Esportes

    Colunistas