nsc

Mobilidade

Revitalização da SC-401 será entregue em novembro, diz governo

Subida do Cacupé terá alargamento pronto em agosto

01/08/2020 - 11h48

Compartilhe

Juliana
Por Juliana Gomes
SC-401 terá revitalização pronta em novembro
SC-401 terá revitalização pronta em novembro
(Foto: )

A obra de revitalização da SC-401 em Florianópolis tem nova previsão para entrega, novembro. A nova data foi definida após a retomada dos trabalhos, paralisados nas primeiras semanas da pandemia do coronavírus. A rotária do bairro João Paulo está quase pronta assim como a terceira faixa, construída numa parte da rodovia, conforme o secretário de estado de Infraestrutura Thiago Vieira.

- Nós tivemos quase dois meses parados em razão da pandemia. Pactuamos um cronograma até o final de novembro. Estamos com 70% da obra concluída – afirmou.

Acostamento alargado

A obra de revitalização compreende um trecho de 12km da SC-401, desde a saída do bairro Itacorubi, pela Rodovia Admar Gonzaga, em direção ao Norte da Ilha, até o primeiro acesso ao bairro João Paulo. Ela inclui pavimentação, terraplanagem, drenagem e sinalização.

Ouça entrevista

Conforme o secretário, para construção da terceira faixa na subida do Cacupé, está sendo alargado o acostamento, que vai funcionar com uma pista de aceleração para quem vem do Caminho dos Açores.

- Para resolveremos a questão de mobilidade daquele trajeto, será feito um contrato a parte, um projeto que a gente vai lançar agora no segundo semestre. Pra atender outras necessidades relacionadas àquele trecho – antecipou.

Novas demandas

Na subida do Cacupé, a terraplanagem de alargamento da via que corta o bairro deve ser finalizada em agosto. Depois disso, poderá ser colocada a pavimentação definitiva com barreira de concreto. A drenagem no local será concluída em setembro, conforme o governo do estado.

A ordem de serviço para revitalização da SC-401 foi dada em agosto de 2019 - quando começou a contar os 10 meses de prazo para a finalização. A previsão inicial era de que fosse concluída em julho deste ano, mas a suspensão do trabalho em razão da pandemia impôs o adiamento da entrega.

Colunistas