nsc
    an

    Covid-19

    Rodoviária e aeroporto de Joinville mantêm rotina normalizada durante pandemia de coronavírus   

    A orientação aos passageiros é para que sejam feitas viagens essenciais

    17/03/2020 - 19h20 - Atualizada em: 17/03/2020 - 19h53

    Compartilhe

    Patrícia
    Por Patrícia Della Justina
    Em dias normais, rodoviária de Joinville recebe cerca de 1,5 mil pessoas
    Em dias normais, a rodoviária de Joinville recebe cerca de 1,5 mil pessoas
    (Foto: )

    Atualização: com o decreto de situação de emergência pelo governo de SC na noite desta terça-feira (17), os serviços de transporte intermunicipal e interestadual poderão sofrer impactos de até sete dias. A Prefeitura de Joinville deve comunicar as alterações ao longo desta quarta-feira (18).

    Embora viajar não seja recomendado pelos órgãos de saúde durante o atual período, as estações rodoviária e aeroportuária de Joinville continuam com funcionamentos normalizados.

    Em site especial, saiba tudo sobre coronavírus.

    Até o momento, a Prefeitura de Joinville não elaborou nenhum plano de monitoramento de passageiros vindos do exterior e que passam pela Estação Rodoviária Harold Nielson, em Joinville. É estimado que 1,5 mil pessoas passem pelo local diariamente, em dias normais.

    Para fiscais e servidores que atuam na rodoviária, a orientação é utilizar álcool em gel disponibilizado sempre ao voltarem para as salas. Para os passageiros, não há álcool em gel nos corredores e outros locais. A orientação é para que as pessoas lavem as mãos com sabonete disponível nos banheiros. A higiene das mãos é uma das mais importantes formas de prevenção.

    Além disso, a orientação aos passageiros é para que sejam feitas viagens essenciais. Quem for viajar a passeio, por exemplo, deve esperar passar a pandemia e remarcar a viagem para período posterior.

    A Associação Brasileira das Empresas de Transporte Terrestre de Passageiros (Abrati) orienta as empresas associadas para que reforcem a higienização dos ônibus, redobrem a atenção quanto à disponibilidade de água e sabão nos sanitários dos veículos e disponibilizem álcool em gel em locais de atendimento no embarque.

    Viação suspende linhas com origem e destino ao RJ

    A Auto Viação Catarinense informou que as linhas interestaduais com origem ou destino no estado do Rio de Janeiro estão suspensas por 15 dias a partir desta terça-feira (17). Além disso, todas as partidas da cidade do Rio de Janeiro e região metropolitana, com destino a localidades do interior e região dos lagos, também estão paralisadas pelo mesmo período.

    Já os ônibus das linhas urbanas terão a capacidade reduzida e somente irão operar com passageiros sentados. As demais linhas fora da região metropolitana do Rio de Janeiro, irão operar com 50% da capacidade de assentos.

    Essas medidas atendem ao decreto 46.973, publicado no Diário Oficial do Rio de Janeiro, e a portaria da Departamento de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro (Detro) nº 1518 de 16 de março de 2020, que determinam orientações para a circulação de linhas interestaduais e Intermunicipais de ônibus com origem em estados com circulação do vírus confirmada ou situação de emergência decretada.

    Aeroporto adota medidas para higienização

    As medidas tomadas quanto à higienização no aeroporto Lauro Carneiro de Loyola de Joinville tem seguido as orientações do Ministério da Saúde e Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Conforme a Infraero, a disponibilidade de álcool em gel, sabonete líquido e papel toalha nos terminais da Infraero está sendo monitorada

    Essas medidas devem ser associadas ao uso de lenço descartável para limpeza de nariz, além de medidas como cobrir o nariz e boca ao espirrar ou tossir, evitar tocar o rosto e higienizar as mãos após tossir ou espirrar.

    Quanto ao uso de equipamentos de proteção individual, a Infraero está alinhada com as determinações da Anvisa, que prevê que os profissionais que realizarem abordagem em meio de transporte com viajantes provenientes dos países com transmissão local devem utilizar máscara cirúrgica se não houver relato de presença de caso suspeito; ou utilizar máscara cirúrgica, avental , óculos de proteção e luvas se houver relato de presença de caso suspeito.

    Também é recomendada a utilização de máscaras cirúrgicas aos tripulantes de voos internacionais, agentes aeroportuários que atuam na conexão de voos internacionais ou operadores de proteção da aviação civil e funcionários de lojas francas (duty-free, free-shops).

    Além disso, os aeroportos da Infraero estão veiculando – de hora em hora - orientações do Ministério da Saúde – avisos sonoros, vídeos, entre outros - sobre os sintomas da doença e informa sobre medidas para evitar a transmissão da virose.

    Quanto às remarcações e cancelamentos de voos, a orientação é que o passageiro faça contato com sua empresa aérea.

    Leia as últimas notícias de Joinville e região.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas