publicidade

Cotidiano
Navegue por

Moscou

Rússia considera 'inaceitáveis' novas sanções dos EUA

09/08/2018 - 08h15 - Atualizada em: 09/08/2018 - 10h35

Compartilhe

Por AFP

O Kremlin considerou, nesta quinta-feira (9), "absolutamente inaceitáveis" e "ilegais" as novas sanções econômicas anunciadas pelos Estados Unidos em relação ao ataque com Novichok no Reino Unido, mas disse "manter a esperança de estabelecer relações construtivas" com Washington.

"Consideramos absolutamente inaceitável o anúncio de novas restrições em relação ao caso de Salisbury e as consideramos ilegais", disse à imprensa o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, chamando Washington de "sócio imprevisível". Também negou, mais uma vez, qualquer responsabilidade no envenenamento do ex-agente russo Serguei Skripal e de sua filha, Yulia.

Menos de um mês após a cúpula de Helsinque entre Donald Trump e Vladimir Putin, ambos os países parecem ter voltado à confrontação.

O Departamento de Estado americano alegou ter constatado que "o governo russo usou armas químicas, ou biológicas, violando as leis internacionais" no caso do envenenamento no Reino Unido.

* AFP

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação