“Ok, você tem razão”. Por mais que ouvir esta frase seja prazeroso, alguns cuidados devem ser tomados quando o narcisismo extrapola limites. Pesquisadores da Ohio State University e do Gettysburg College desenvolveram uma escala de narcisismo para indicar o quanto graus mais elevados podem prejudicar a vida das pessoas.

Continua depois da publicidade

Leia todas as notícias de Vida

Continua depois da publicidade

Segundo o estudo, o narcisismo pode ser considerado um traço da personalidade, mas, se muito acentuado, pode chegar a ser um distúrbio clínico. Neste caso, ao ouvir uma crítica, o narcisista extremo tentará culpar alguém por seu erro ao invés de refletir para tentar melhorar. Além disso, acreditam que têm direito à admiração e ao respeito dos outros e, quando não conseguem, reagem com agressividade.

Mas quando o grau é mais leve, pode até trazer benefícios à vida do narcisista moderado, explica a pesquisadora Sara Konrath:

– Eles são determinados a conseguirem o que querem e realizarem seus sonhos.

Veja as diferenças:

Positivo:

1 – autoestima elevada

2 – criatividade

3 – felicidade

4 – sofrem pouco com ansiedade

5 – menos possibilidade de depressão

Negativo:

1 – dificuldade de manter relacionamentos saudáveis

2 – baixa simpatia

3 – irritabilidade

4 – agressividade

Destaques do NSC Total