nsc
dc

Imunização

SC distribui doses de reforço da vacina para profissionais de saúde; veja divisão por cidade

Estado inicia nesta quarta-feira a entrega de 85 mil doses voltadas a esse público para as cidades catarinenses

06/10/2021 - 13h00

Compartilhe

Jean
Por Jean Laurindo
Profissionais de saúde tiveram em setembro autorização para receber dose de reforço
Profissionais de saúde tiveram em setembro autorização para receber dose de reforço
(Foto: )

As doses de reforço da vacina contra Covid destinadas a profissionais de saúde começaram a ser distribuídas nesta quarta-feira (5) para as cidades de Santa Catarina.

Venda de osso de boi deve ser incentivada, defende associação dos frigoríficos de SC

Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

No total, serão distribuídas 85.314 doses da vacina Pfizer. O Ministério da Saúde autorizou em setembro a aplicação do imunizante nos profissionais de saúde.

Vacinação nas principais cidades de SC

Além dos lotes destinados aos trabalhadores da saúde, SC também vai distribuir outras 377.515 doses da vacina voltadas à segunda dose. Serão 30.580 doses da Coronavac, 138.675 da AstraZeneca/Fiocruz e 208.260 da Pfizer.

A distribuição das 462.829 doses começou na manhã de quarta e segue até a quinta-feira (7). Profissionais de saúde receberão o reforço com o mesmo critério adotado para os idosos: ter tomado a segunda dose há pelo menos seis meses.

Enquanto aguardam pelas novas doses, os principais municípios catarinenses dão continuidade à vacinação contra Covid. Confira abaixo a situação atual nas maiores cidades de SC:

Florianópolis

A capital aplica a primeira dose em pessoas com 18 anos ou mais e a segunda dose para quem já cumpriu o prazo. O reforço é aplicado em idosos de 60 anos ou mais que tomaram a segunda dose até 6 de abril de 2021. Já quem tem alto grau de imunossupressão recebe o reforço 28 dias após ter tomado a segunda aplicação.

Joinville

A maior cidade do Estado imuniza com a primeira dose adolescentes a partir de 12 anos ou mais. A segunda dose é feita por agendamento. Dose de reforço é destinada a idosos acima de 70 anos que tomaram a segunda dose há mais de seis meses. Para imunossuprimidos, o intervalo para a dose de reforço é de 28 dias.

Blumenau

A cidade do Vale do Itajaí tem programação para a aplicação da vacina com a primeira dose em adolescentes acima de 12 anos e pessoas acima de 18 anos. Pessoas que estejam no prazo podem receber a segunda dose.

São José

O município da Grande Florianópolis aplica a primeira dose para pessoas com 18 anos ou mais e segunda para quem já cumpriu o prazo. O reforço é oferecido a pessoas com 70 anos ou mais que tomaram a segunda dose há mais de seis meses e, no caso de imunossuprimidos, 28 dias após a segunda aplicação.

Chapecó

Chapecó abriu novo agendamento de segunda dose. Está liberado o cadastramento de horário para quem tomou a primeira dose de Astrazeneca até 7 de agosto, a 1° dose de Coronavac até 22 de setembro e a 1° dose de Pfizer até 14 de agosto. O agendamento deve ser feito no site.

Leia também

Entenda as regras para a liberação da pista de dança em festas de Santa Catarina

Casas populares em SC ficarão no nome de mulheres; entenda

Conheça em fotos as 12 praias de Santa Catarina com selo Bandeira Azul

O que se sabe sobre a dose de reforço das vacinas contra a Covid-19

Colunistas