nsc
dc

Intelbras apresenta

Segurança em casa

Com diversos tipos de câmeras de segurança Wi-Fi no mercado, saiba o que levar em consideração ao escolher a sua

18/12/2018 - 09h20 - Atualizada em: 10/01/2019 - 10h18

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
Câmera WiFi Mibo
Câmera WiFi Mibo
(Foto: )

1 - Gravação em HD

Para garantir que as imagens capturadas terão nitidez, opte por uma câmera que grave em alta definição. Afinal, não adianta instalar um sistema de segurança interno se as imagens captadas não mostram o ambiente e o que ocorre nele com clareza. Nem todos os modelos gravam em alta qualidade o tempo todo. Alguns adaptam a resolução da imagem gravada à configuração escolhida pelo usuário, o que pode comprometer a visualização.

2 - Criptografia

A criptografia em uma câmera traz a segurança de que ela não vá cair nas mãos de hackers e acabe se tornando uma ameaça para a sua segurança ao invés de uma aliada. Busque câmeras de marcas conhecidas que ofereçam segurança dupla e chaves de acesso individuais para cada uma.

3 - Notificação por detecção de movimento

Uma das características mais interessantes de algumas câmeras mais modernas é o sistema de detecção e notificação de movimento. Funciona assim: se houver alguma movimentação na sua casa ou loja, você recebe uma notificação no celular e consegue tomar as medidas adequadas para garantir a segurança. Não abra mão desse recurso!

4 - Visão noturna

Preze por uma câmera de segurança que permita que o monitoramento seja feito durante 24 horas, mesmo onde não houver luminosidade. Seja para área interna, seja para a externa, a câmera deve ter visão noturna e captar imagens de alta qualidade mesmo no escuro.

5 - Ângulo de visão

O ângulo de visão da câmera deve ter uma abrangência que contemple o espaço entre uma parede e outra, sem deixar pontos cegos. É mais interessante escolher uma câmera com um grande ângulo de captação do que um modelo que se movimenta, já que estes podem deixar pontos sem monitoramento por alguns momentos no ambiente.

Câmera WiFi Mibo
Visão da câmera WiFi Mibo
(Foto: )

6 - Acesso de qualquer lugar via smartphone

Este é um ponto muito importante: se você tem um sistema de segurança é porque precisa saber o que acontece no ambiente quando não estiver lá. Por isso, não deixe de escolher uma câmera que tenha visualização por meio de aplicativos no smartphone. Buscar entender como funciona o aplicativo também é importante, assim como saber se existe suporte, segurança e configurações de idiomas.

7 - Fabricante e suporte

Escolha uma marca que seja referência em segurança e que entenda o que uma câmera precisa ter para que você não tenha surpresas quando precisar dela. Optar por uma marca de confiança também significa que você terá todo suporte de que precisa caso algo dê errado. Antes de comprar, ligue para as centrais de atendimento da marca, tire dúvidas e teste o suporte antes mesmo de precisar dele.

8 - Preço

Uma câmera deve ser aliada do seu conforto e do bem-estar. Por isso, também precisa ser acessível. Depois de levar em conta todos os pontos anteriores, escolha um modelo que atenda a todos os requisitos sem pesar no bolso.

É possível acessar a câmera pelo celular
É possível acessar a câmera pelo celular
(Foto: )

Conheça a Mibo iC3

Fácil de instalar e ainda mais fácil de usar, a câmera Mibo iC3 garante que a segurança da sua casa e da sua família esteja nas suas mãos, onde você estiver. Com uma tecnologia exclusiva e moderna, a Mibo iC3 é um produto Intelbras, líder brasileira em segurança eletrônica.

Destaques da Mibo ic3:

- Notificações de movimento

- Áudio bidirecional

- Aplicativo em português

- Acesso remoto

- Auto-falante

- Conexão por Wi-Fi

- amplo Campo de visão

- Imagens em HD

- Plug & Play: fácil instalação

- Armazenamento em cartão micro-SD

Preço médio: R$ 349

Mais informações aqui

Conteúdo patrocinado por Intelbras e produzido pelo Estúdio de Projetos Especiais & Brands

Colunistas