publicidade

Esportes
Navegue por

Na Guarda

Sem escolher adversário, Maurício Bad Boy encara uma "pedreira" no Shooto Brasil 90

Lutador catarinense encara Pedro Falcão nesta sexta-feira no Rio de Janeiro

15/03/2019 - 09h25 - Atualizada em: 15/03/2019 - 09h21

Compartilhe

Jorge
Por Jorge Jr.
Maurício Bad Boy vai tentar vencer um dos prospectos da Nova União
Maurício Bad Boy vai tentar vencer um dos prospectos da Nova União
(Foto: )

Vencer na vida é algo que o lutador Maurício “Bad Boy” já conseguiu, ao deixar para trás o envolvimento com drogas para se tornar líder de um projeto social que busca dar um futuro digno aos jovens da comunidade Chico Mendes. Sem medo de adversário, hoje ele irá encarar Pedro Falcão no Shooto Brasil 90, no Rio de Janeiro.

Bad Boy, que trabalha como segurança, passou sufoco para chegar ao peso, mas se mostra confiante para buscar a vitória.

– Tô me virando, matando cinco leões por dia para dar aula no projeto, já que é difícil conseguir apoio. Tô trabalhando, ralando muito, indo de um treino para o outro e me preparei muito. Baixei para a categoria de 66kg, sofri para perder 12 quilos. Tenho coração, garra e vontade para vencer – conta.

Azarão no combate, até porque Pedro Falcão é uma das promessas da equipe Nova União, que tem José Aldo como principal lutador, Bad Boy, que sempre encarou todas as batalhas sem andar pra trás, acredita que pode surpreender o adversário.

– A vitória é consequência, vou dar o máximo de mim. Já sou um grande vencedor só de estar lutando num evento grande da América Latina, sendo exemplo para o meu projeto social Guetto Diamond. Ninguém luta para perder, vou deixar rolar e ver o que vai dar – diz.

Quem quiser apoiar o projeto Guetto Diamond pode mandar WhatsApp no (41) 99919-7552 ou ligar no (48) 98456-5980.

Deixe seu comentário:

publicidade

Navegue por
© 2018 NSC Comunicação
Navegue por
© 2018 NSC Comunicação