A campanha Setembro Amarelo vem reforçando a importância de tratar sobre a saúde mental em todo o país. As iniciativas da Prefeitura de Florianópolis, promovidas por meio da Secretaria Municipal de Saúde, buscam abordar temáticas sensíveis, como depressão e suicídio, além de encorajar as pessoas a buscarem apoio na rede de saúde, caso percebam sintomas que afetam o bem-estar emocional e psicológico. 

De acordo com o mais recente levantamento da Organização Mundial da Saúde (OMS), realizado em 2019, foram documentados mais de 700 mil casos de suicídio em todo o mundo, sem considerar as ocorrências subnotificadas, o que sugere que o número total pode ultrapassar um milhão de pessoas. No Brasil, os registros anuais se aproximam de 14 mil casos, o equivalente a uma média de 38 pessoas tirando suas próprias vidas a cada dia.

A conscientização sobre a importância do cuidado com a saúde mental é o foco central das ações da campanha nacional “Setembro Amarelo”, que visa a prevenção do suicídio. De acordo com informações do Ministério da Saúde, uma a cada cinco pessoas apresenta depressão em algum momento da vida. A depressão, por sua vez, é o transtorno mais associado ao suicídio, como pontua a entidade. 

Ações em Florianópolis

Em Florianópolis, foram realizados cerca de 40 mil atendimentos em saúde mental, em diferentes serviços, apenas no ano de 2022, demonstrando o compromisso contínuo com as necessidades da comunidade. 

Durante o mês de setembro, a Secretaria Municipal de Saúde reforça os cuidados com a temática, promovendo diversas iniciativas relacionadas à saúde mental nas unidades de saúde de Florianópolis. 

As atividades deste ano abrangem desde o aprimoramento profissional dos membros da rede municipal até eventos abertos à comunidade. O calendário completo de ações está disponível para consulta na página oficial da Secretaria Municipal de Saúde.

Como acessar apoio à saúde mental em Florianópolis

A Secretaria Municipal de Saúde orienta que a pessoa que necessitar de atendimento em saúde mental procure seu Centro de Saúde e entre em contato com sua Equipe de Saúde da Família. Além disso, o município conta com os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), que dispõem de equipes multiprofissionais para atendimento de pessoas com transtornos mentais graves e aquelas com necessidades vinculadas ao uso de álcool e outras drogas. 

É possível também ter acesso aos serviços de saúde mental do município por meio do Alô Saúde Floripa, através do telefone 0800 333 3233, todos os dias da semana, 24 horas por dia. Outra forma de receber apoio emocional e auxílio na prevenção do suicídio é entrando em contato com o Centro de Valorização à Vida (CVV), por meio do 188.

Acesse o canal Florianópolis: uma cidade para todos e saiba mais.

Saiba mais sobre o Estúdio NSC Branded Content e acompanhe as novidades do Negócios SC.

Continua depois da publicidade

Leia também

Prefeitura de Florianópolis promove campanha de adoção de animais

Primeira etapa da Beira-Mar Sul é concluída em Florianópolis

Sociedade e poder público se unem para fortalecer uso da bicicleta na capital catarinense