O Supremo Tribunal Federal (STF) condenou mais seis réus pelos atos golpistas de 8 de janeiro. A Corte optou por aplicar a pena média, já que os ministros não chegaram a um consenso sobre qual punição era mais adequada. Trata-se da quarta leva de julgamentos relativos aos ataques a Brasília.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo Whatsapp

Dessa forma, cinco deles deverão ficar presos por 16 anos e seis meses e um recebeu sentença de 13 anos e seis meses. Relator do caso, o ministro Alexandre de Moraes havia proposto penalidades de 3 a 17 anos de prisão.

Eles foram responsabilizados pelos crimes de abolição violenta do Estado Democrático de Direito, golpe de Estado, associação criminosa armada, dano qualificado e deterioração de patrimônio tombado.

Leia mais no Metrópoles, parceiro do NSC Total

Continua depois da publicidade

Acesse também

Projeto no Congresso cria medida protetiva de urgência para advogados

Apartamento do Neymar e show do Bruno Mars: o que comprar com R$ 90 milhões da Mega-Sena

Destaques do NSC Total