nsc
    dc

    Nova rede

    TIM e Vivo lançam serviço 4G nas sedes da Copa das Confederações

    As operadoras Claro e Oi já apresentaram seus planos de cobertura

    30/04/2013 - 12h28

    Compartilhe

    Por Redação NSC
    As operadoras de telefonia móvel  têm até esta terça para cobrir 50% das áreas das seis cidades-sede da Copa das Confederações
    As operadoras de telefonia móvel têm até esta terça para cobrir 50% das áreas das seis cidades-sede da Copa das Confederações
    (Foto: )

    A operadora de telefonia TIM lançou nesta terça-feira o serviço 4G nas seis sedes da Copa das Confederações, conforme determinado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). A expectativa da empresa é que os investimentos na nova rede cheguem a R$ 1,5 bilhão nos próximos três anos, segundo o presidente da TIM no Brasil, Rodrigo Abreu.

    - Esse é o plano aprovado atualmente, que é revisado a cada ano. Se o mercado estiver com uma grande aceleração, podemos rever esse número de investimentos - disse Abreu, em teleconferência com investidores e com a imprensa.

    A partir de hoje, o 4G vai ser oferecido pela TIM nas cidades de Brasília, Belo Horizonte, Fortaleza, do Recife, de Salvador e do Rio de Janeiro. As demais cidades que serão sedes da Copa do Mundo de 2014 (Cuiabá, Curitiba, Manaus, Porto Alegre, São Paulo e Natal) devem receber a nova rede até dezembro, mas Abreu destaca que a operadora deve antecipar a oferta em algumas cidades, como São Paulo, por exemplo.

    A Telefônica Vivo também anunciou o início da operação 4G da empresa no Brasil. O serviço começa a ser oferecido também nesta terça nas mesmas seis cidades e em São Paulo. A empresa anunciou ainda que até o final do ano entregará também a tecnologia 4G em Cuiabá, Curitiba, Manaus, Natal e Porto Alegre.

    Segundo o cronograma estabelecido pela Anatel, as operadoras de telefonia móvel que compraram espectros no leilão de 4G têm até esta terça para cobrir 50% das áreas das seis cidades-sede da Copa das Confederações. As operadoras Claro e Oi já apresentaram seus planos de cobertura.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Economia

    Colunistas