publicidade

Esporte

"Tomamos atitudes do tamanho do momento do Joinville", diz diretor de futebol do JEC

Equipe começou a preparação para a Copa Santa Catarina nesta semana com time formado principalmente por atletas da base

12/08/2019 - 19h30 - Atualizada em: 12/08/2019 - 20h09

Compartilhe

Redação
Por Redação AN
(Foto: )

Os jogadores do Sub-20 do Joinville se reapresentaram nesta segunda-feira, 12, depois de uma semana de descanso, para iniciar a preparação para a Copa Santa Catarina. O JEC estreia em 8 de setembro contra o Figueirense e, como já havia sido afirmado anteriormente, levará os atletas da base para a competição estadual.

Os jogadores passaram por avaliação com o departamento de fisiologia e fizeram atividades na academia. À tarde, o diretor de futebol do JEC, Wilson Martins, e o diretor técnico Augusto Valentim Oliveira (Lego), conversaram com a imprensa. Martins o fez em tom de desabafo e deixou claro: o clube não terá investimentos para contratação de novos profissionais em breve, focando principalmente em desenvolver a equipe atual e restabelecer a credibilidade do time.

— O Joinville vai ser do tamanho que a sociedade joinvilense quiser. Tomamos atitudes do tamanho que é o momento do Joinville. Temos tido muito cuidado em não nos precipitar. Não podemos errar, embora muitos pensem que seja um erro jogar com a base. Mas essa é a oportunidade que estamos tendo, que nos foi dada por causa do momento atual — afirmou Martins.

Ele explicou que, assim como o diretor técnico, se comprometeu com a diretoria a não executar nada além do que é possível realizar no atual momento financeiro. Por enquanto, a única novidade confirmada na equipe foi Romarinho, 24 anos, que foi emprestado pelo Fluminense do Itaum. Há outros atletas passando por exames para então serem confirmados pelo clube, e remanescentes do profissional, como Leandro Bulhões, Dalberson, Roberto Kotaro, Eduardo Melo e Gustavo, que unem-se aos jogadores do sub-20.

— Os atletas estão fazendo exames. Tem sido oferecido muitos atletas para nós, mas nem tudo o que se oferece é bom. Estamos conversando com algumas pessoas, mas, neste momento vamos com a base. Talvez durante a competição (possam ser feitos novos investimentos), mas, nesse momento, só vamos com atleta que não tenha custo para o time — afirmou.

Deixe seu comentário:

publicidade