nsc

publicidade

Acidente na Serra

Três fatores podem ajudar a perícia a determinar as causas do acidente na Serra Dona Francisca, em Joinville

Perícia nos destroços do veículo deve começar no começo da tarde deste domingo

15/03/2015 - 07h51 - Atualizada em: 24/07/2019 - 18h18

Compartilhe

Por Redação NSC
Acidente ocorre no fim da tarde do último sábado, deixando 50 mortos
Acidente ocorre no fim da tarde do último sábado, deixando 50 mortos
(Foto: )

A perícia nos destroços do ônibus da empresa Costa e Mar, que caiu na serra Dona Francisca, em Joinville, matando 50 pessoas, deve começar no começo da tarde deste domingo.

Três fatores podem apontar alguma causa: os destroços do ônibus, que ainda está sendo retirado, possíveis marcas na pista que não foram identificadas à noite e uma análise mais detalhada no corpo do motorista e dono da empresa, Cérgio Antonio da Costa, para saber se ele sofreu algum mal súbito ou havia alguma substância em seu organismo que pudesse explicar a manobra.

O delegado regional da Polícia Civil, Dirceu Silveira Júnior, disse que não é possível adiantar qualquer informação sem que a perícia seja concluída.

A reportagem percorreu o trajeto no sábado à noite, durante a operação de resgate. A rodovia, que em alguns trechos é de concreto e não de asfalto, está em bom estado. Praticamente não há marcas de pneus na pista e, embora o ônibus tenha deixado um rastro de destruição pela vegetação logo após a saída da rodovia, só havia uma das portas no meio da vegetação.

Onde ocorreu o acidente:

O acidente ocorreu na penúltima curva mais fechada da descida da serra. Para quem está descendo, é uma curva à esquerda, antes de uma série de casas e estabelecimentos comerciais.

Para chegar até o acidente, o resgate teve de andar na mata, entrando pelas casas que ficam à esquerda. A caminhada, de uns cinco minutos no meio da mata fechada, foi facilitada porque os moradores abriram um caminho. Da curva praticamente não havia como chegar até o ônibus.

Acidente foi na penúltima curva mais acentuada, passando o mirante da serra

Ônibus passou reto na curva. Acesso para o resgate foi depois da última curva

Leia mais

::: Acompanhe as últimas informações do acidente

::: Vítimas iam para evento religioso em Guaratuba

::: Familiares chegam a Joinville para identificação de corpos

Lista de óbitos confirmados pelo IML

Agata Mirella

Alan P. Schneider

Alexo de Lima Zenere (no Hospital Dona Helena)

Anderson Celis Junior

André Luiz Carvalho

Assinara A de Oliveira

Camile Araújo Sieves

Carlos Alberto de Almeida

Cérgio Antonio da Costa (motorista)

Conrado Schier Filho

Dalton Ribeiro

Darci Crespo Linhares

Deornirce Margarete Fontana Lima

Eloina dos Santos de Almeida

Flávio Ribeiro

Gustavo Felipe Serafim Aquino

Hildo L. de Souza

Idelzina A. P. Aguiar

Janaina Darcley Ribeiro de Lima

João Antônio M. Soares

Julian Siqueira Maciel

Katelyn V. de Souza Ramos

Lariana Regina Vieira

Lenice Aparecida Miranda

Lucélia Soares

Luara Lorraine Siqueira Maciel

Luiz Cesar Araújo

Marcia Regiane Ramos

Maria Anisia Kutianski Agostini

Mariza Pinto

Marise Antunes da Conceição Schier

Marli Terezinha Ribeiro

Mateus Costa

Melissa Jane Da Silva

Osvaldir Silves

Rafaeli Baumann

Rejane de Fátima Araújo

Renan R. Chrisostemo

Renan Araújo

Ricardo Araújo

Roseli Chrisostemo

Sandra Jiliane Costa

Selma Carolina Schneider

Sônia Regina Vieira

Tereza Fernandes de Lima

Terezinha D. Carvalho

Thiago Roberto Barbosa

Wesley Araujo Sieves

Movidos para hospitais

Artur Vieira Teles de Abreu (Hospital Infantil)

Brayan Lohan de Almeida (Hospital Infantil)

Danrlei Crespo Linhares (Hospital São José)

Elton Jhon de Almeida (Unimed)

Lucas K. Vieira (Hospital São José)

Rosangela Crespo Linhares (Hospital São José)

Alana Pires (Hospital Dona Helena)

Elis Cristina Mazur (Hospital Dona Helena)

OBS: Dois corpos ainda se encontram no IML sem identificação

Lista de passageiros que aguardam identificação

Dionilei M. Lima (pode não ter embarcado; ou alguém portar seu documento; ou estar no local)

Glório Podstawka (pode não ter embarcado; ou alguém portar seu documento; ou estar no local)

Maria D. Souza (pode não ter embarcado; ou alguém portar seu documento; ou estar no local)

Leonilda Alves dos Santos (acredita-se que está viva e alguém portava seus documentos)

Deixe seu comentário:

publicidade