nsc

publicidade

Etapa decisiva

Última transferência de carga na Ponte Hercílio Luz pode ser feita em dois dias

Pelo cronograma, serviço vai até quinta-feira; porém, se o tempo colaborar, pode terminar antes 

24/08/2019 - 11h48 - Atualizada em: 24/08/2019 - 11h59

Compartilhe

Por Redação CBN Diário
Restauração da Ponte Hercílio Luz deve ficar pronta até o fim do ano
Restauração da Ponte Hercílio Luz deve ficar pronta até o fim do ano
(Foto: )

A última transferência de carga da Ponte Hercílio Luz será realizada a partir desta segunda-feira (26), às 22h, estendendo-se ao longo de parte da madrugada. Segundo o cronograma, a conclusão das quatro operações necessárias para esta etapa está marcada para quinta-feira. Porém, dependendo do ritmo dos trabalhos e das condições do tempo, o serviço poderá ser executado até terça-feira.

– Desde a primeira transferência, em fevereiro, quando colocamos todo o peso da ponte sobre aquela estrutura provisória, nós já devolvemos 80% dessa carga para as barras de olhais. Nessa segunda-feira, a gente vai fazer a transferência dos últimos 20% da carga suspensa. Aí, entramos na reta final dos trabalhos – explica o engenheiro fiscal da obra, José Abel da Silva.

Esta etapa é considerada decisiva na restauração do cartão-postal de Florianópolis, pois o peso vai ficar todo sustentado pela estrutura novamente. Isso significa que a ponte voltará a ter suas características originais. O serviço é feito através de 54 macacos hidráulicos, em cima da ponte – 32 deles têm 100 toneladas, e outros 22 possuem 50 toneladas – para baixar a parte central em 45 cm.

Mais R$ 14 milhões: novo aditivo da obra da ponte Hercílio Luz

A maior parte da transferência de carga foi executada em junho, quando foram devolvidas 1,7 mil toneladas, ou 80% do peso total. Assim como ocorreu naquele momento, não haverá interrupção no tráfego de veículos nas vias próximas à ponte. Segundo a secretaria de Infraestrutura de Santa Catarina, apenas a navegação será interrompida no trecho.

– Como engenheiro no dia-a-dia da obra, diria que é lógico que a gente tem os riscos normais. Só que a primeira transferência de carga era uma coisa inédita, não se sabia com que estava lidando. Agora, ao devolver toda a estrutura novamente suspensa, a gente sabe o que a gente fez. Então, nós estamos trabalhando com algo seguro – relatou Silva.

Ainda de acordo com a secretaria, há a possibilidade de se executar duas operações por dia, o que encerraria essa etapa dos trabalhos na terça-feira. A chuva pode atrapalhar, mas se houver ventos acima de 40 km/h, os trabalhos serão suspensos. A expectativa do governo do estado é entregar a reforma completa da Ponte Hercílio Luz até o fim deste ano.

Ouça as informações:

Deixe seu comentário:

publicidade