nsc
dc

Notícia

Zagueiro Naldo, ex-Juventude, é operado por médico do Caxias

Jogador do Werder Bremen fez cirurgia na Serra e viajou para Jurerê Internacional

18/01/2011 - 03h20

Compartilhe

Por Redação NSC
Naldo deve voltar a jogar no final de março
Naldo deve voltar a jogar no final de março
(Foto: )

Ainda está na memória do torcedor do Juventude um golaço de falta do zagueiro Naldo diante do Santos, em 2004, no Jaconi, pela Série A do Brasileirão. O lance é recordado com carinho pelo jogador quando o assunto é o clube que o projetou para o Brasil e o mundo. Aos 28 anos, o zagueirão do Werder Bremen, da Alemanha, submeteu-se a uma cirurgia no joelho direito em Caxias do Sul antes de curtir as férias em Jurerê Internacional, onde tem uma casa.

Apesar de sua ligação com o Juventude, o médico responsável pela operação no Hospital Virvi Ramos (Fátima), domingo, foi o grená Carlos Bergamaschi, que trabalha na SER Caxias. Amigo de Paulo Tonietto, empresário do atleta, Bergamaschi já tratou de uma outra lesão de Naldo, em 2007.

- Tenho a confiança no doutor Bergamaschi. Lá na Alemanha, é uma cultura diferente, eles não queriam operar. Mas como eu estava há muito tempo parado, pedi para vir ao Brasil. Levei uma pancada em abril, fui jogando, treinando e a cartilagem do joelho ficou afetada - explica Naldo, sete meses sem atuar.

Após seis anos no Werder Bremen, o zagueirão de 1m98cm é um dos mais respeitados do futebol europeu. Em 2007, foi convocado para a Seleção Brasileira do técnico Dunga e conquistou a Copa América, na Venezuela. A primeira lesão no joelho acabou o afastando das outras convocações, mas a esperança de voltar a vestir a camisa amarela não sai da cabeça.

- O Mano Menezes andou me elogiando. Com essa renovação, acho que tenho chance de disputar a Copa de 2014. Vou estar com 31 anos, no auge da minha carreira - projeta o zagueiro.

Para a papada, seria como se Naldo vestisse por baixo a camisa alviverde outra vez:

- Quem sabe não encerro a carreira no Juventude? Por que não?

Os laços de Naldo com a Serra não se resumem ao futebol. Assim que chegou ao Ju, em 2004, conheceu a bento-gonçalvense Carla Paludo, com quem se casou em 2007, em Londrina, cidade natal dele. Os frutos desta união são Naldinho, cinco anos, e Liz, um ano e oito meses, ambos nascidos na Alemanha.

- O Juventude foi tudo para mim, agradeço até hoje. Sinto uma pena pelo clube estar nessa situação, até porque em 2004 fiz parte de um time excelente. O Ju vai ficar sempre na minha memória - emociona-se Naldo, que foi descoberto pelo extinto RS Futebol, de Alvorada.

Colunistas