nsc

publicidade

Copa do Brasil

Zagueiros dizem que gol de Moritz dá sobrevida ao Avaí

Leão perde do Vasco por 3 a 2, mas segue no páreo por vaga à quarta fase

14/03/2019 - 23h45 - Atualizada em: 14/03/2019 - 23h46

Compartilhe

Redação
Por Redação DC
Pedro Castro anotou o primeiro gol do Leão
(Foto: )

A derrota para o Vasco, por 3 a 2, na noite desta quinta-feira, em São Januário, pela Copa do Brasil, foi um marco para o Avaí em 2019. Pela primeira vez nesta temporada o Leão sofreu o revés sofrendo mais de um gol no jogo. O placar, porém, não desanimou o elenco azurra, principalmente por causa do segundo tento, anotado por André Moritz aos 39 minutos da etapa final.

– A gente estava bem na partida, sabíamos da qualidade do Vasco, mas demos espaço. A bola parada deles é forte e vacilamos nisso. Fizemos o segundo gol que nos deixa vivos. Agora, uma vitória por dois gols na Ressacada e passamos de fase – disse o zagueiro Marquinhos Silva.

Companheiro de zaga, o capitão Betão compartilha da mesma opinião. O camisa 3 do Leão, porém, destacou a garra e determinação dos elenco azurra, que não se entregou em campo e lutou para deixar São Januário com um placar mais confortável para tentar a classificação à quarta fase da Copa do Brasil.

– No segundo tempo fomos abaixo, tivemos falhas de marcação e sofremos mais gols. Quero ressaltar a persistência da equipe, que não se acomodou, fez mais um gol e quase empatou. Estamos vivos para buscar a classificação em casa – falou Betão.

O confronto de volta será no dia 10 de abril, às 21h30min, na Ressacada. Para avançar, o Leão terá que vencer por dois ou mais gols de vantagem. O triunfo por um tento leva a decisão aos pênaltis. Empate ou mais uma vitória do Vasco e o time carioca passa de fase.

Antes, porém, o Avaí volta a focar no Catarinense. Neste domingo, às 16h, os azurras recebem o Figueirense, arquirrival, no clássico da Capital pela 13ª rodada do Catarinense.

Deixe seu comentário:

publicidade