Após a decisão judicial que determinou a saída do presidente da CBF, Edinaldo Rodrigues, e uma nova eleição na entidade, um catarinense foi sondado para participar do grupo que vai comandar a entidade máxima do futebol de forma provisória. É o advogado Rafael Horn, vice-presidente nacional da OAB. Ele viajou na tarde desta quinta-feira (7) para o Rio de Janeiro.

Continua depois da publicidade

Ednaldo Rodrigues é retirado da presidência da CBF

A sondagem partiu de José Perdiz de Jesus, presidente do STJD e designado pela Justiça do Rio de Janeiro para comandar a CBF até a nova eleição. Perdiz e Horn tem relação profissional há alguns anos, e por isso o presidente do STJD ligou para o vice-presidente da OAB Nacional nesta quinta-feira fazendo a sondagem.

O catarinense já chegou ao Rio de Janeiro, onde devem ocorrer as conversas iniciais. Além disso, o grupo ainda acompanha a tramitação do caso na Justiça, onde deve haver recurso por parte de Edinaldo Rodrigues, presidente afastado da entidade.

Como a decisão ainda é prematura, as conversas devem se estender. Horn vai ouvir sobre a intenção do grupo para decidir sobre os próximos passos. A comissão vai comandar a CBF até a nova eleição.

Continua depois da publicidade

Destaques do NSC Total